A vida vai melhorar: ações da Prefeitura beneficiarão ainda mais a população carioca

Publicado em 16/12/2022 - 07:35 | Atualizado em 16/01/2023 - 11:03
O Super Centro de Saúde tem capacidade para 113 mil exames, consultas e procedimentos por mês - Fábio Motta/Prefeitura do Rio

Em dois anos de gestão, a Prefeitura do Rio realizou ações importantes que beneficiaram a população em todas as regiões da cidade, como o Super Centro Carioca de Saúde, os Ginásios Experimentais Tecnológicos (GET), a compra de novos ônibus articulados para o sistema BRT e os programas Luz Maravilha e Asfalto Liso. E a vida do carioca vai melhorar ainda mais, com a previsão de novas inaugurações e a conclusão de obras em 2023 nas áreas da Saúde, Educação e Infraestrutura, entre outras. Abaixo, você pode conferir as principais ações já realizadas e aquelas que serão finalizadas para trazer ainda mais benefícios aos moradores do Rio de Janeiro.

 

Mais Saúde

A cidade do Rio ganhou, em 2022, o mais moderno complexo de saúde pública da América Latina. Num investimento de R$ 250 milhões, o Super Centro Carioca de Saúde, em Benfica, será a maior estrutura desse setor no município, com capacidade para 113 mil exames, consultas e procedimentos por mês. Primeira unidade a entrar em funcionamento, o Centro Carioca de Especialidades (CCE) já realizou mais de 11 mil atendimentos, que, junto com outras ações da Secretaria de Saúde para ampliação da oferta de vagas, auxiliaram para a redução das filas do Sistema de Regulação (Sisreg). As próximas unidades a serem inauguradas dentro do complexo são o Centro Carioca de Diagnóstico (CCD) e o Centro Carioca do Olho (CCO).

Em dois anos de gestão, 117 unidades de Atenção Primária (clínicas da família e centros municipais de saúde) já receberam melhorias, sendo que 64 delas passaram por reformas completas. Já foram contratados 3.452 profissionais e há processos seletivos em curso para a admissão de outros médicos, enfermeiros, técnicos de enfermagem e agentes comunitários de saúde para diversas regiões da cidade.

Com a ampliação do atendimento, vários processos seletivos para a contratação de profissionais foram abertos e a rede municipal de saúde já conta com 1.297 médicos a mais do que na gestão anterior.

 

Já passaram por reformas 117 unidades de Atenção Primária – Arquivo/Prefeitura do Rio

 

Mais Educação

A Secretaria Municipal de Educação (SME) lançou, em 2022, o modelo de escola pública mais inovador do país. O Ginásio Experimental Tecnológico (GET) faz parte de um novo conceito que fomenta no aluno o desenvolvimento de competências do século XXI, por meio da abordagem STEAM (Ciências, Tecnologia, Engenharia, Arte e Matemática), aprendizagem baseada em projetos e recursos que promovam a cultura digital. Quatro GETs já foram inaugurados e a previsão é que, até o final de 2023, a rede coloque em funcionamento mais de 70 unidades escolares com esse modelo de ensino.

A atual gestão retomou ainda contratos paralisados no governo anterior, para a construção e reconstrução de 24 unidades escolares, sendo 19 oriundas do programa Fábrica de Escolas e cinco unidades do Plano de Legado Olímpico – quatro delas estão sendo construídas como GET, com material da desmontagem da Arena do Futuro, nos bairros de Bangu, Campo Grande, Rio das Pedras e Santa Cruz. A quinta escola do legado ficará no lugar da Arena Carioca 3, que será transformada no Ginásio Educacional Olímpico Isabel Salgado (GEO).

A SME também lançou, em 2022, o Programa de Revitalização dos CIEPs, que vai oferecer melhorias significativas nas 101 unidades da rede municipal de educação que oferecem este modelo de ensino. A pasta já soma mais de 225 obras. Destas, 140 são de reforma, das quais 71 estão concluídas e, as demais, em andamento.

 

No GET, a aprendizagem se dá por meio da cultura digital – Marcos de Paula/Prefeitura do Rio

 

Transporte Público

A Prefeitura investiu pesado para requalificar o Sistema BRT, com a compra de cerca de 600 novos ônibus, sendo que 290 devem ser entregues até março de 2023. Já foram entregues 80 ônibus, que estão em circulação na Transolímpica e no percurso entre os terminais Alvorada, Centro Olímpico e a estação Jardim Oceânico.

Também foi feita a recuperação de 100 estações, que foram reabertas após reformas e revitalizações. Entre as melhorias realizadas, estão a substituição dos painéis e portas de vidro por chapas de aço vazadas; alarmes luminosos e sonoros das portas, indicando a abertura e o fechamento delas; e trava automática das portas.

Outra grande novidade é a concessão da operação do sistema de bilhetagem digital.  Inédito nas capitais brasileiras, o novo sistema dará ao município o controle da arrecadação tarifária, permitirá maior transparência financeira, planejamento com dados confiáveis e melhoria dos serviços de transporte. O início da operação se dará pelo sistema BRT, no primeiro semestre de 2023.

 

Todo o sistema BRT passa por revitalização – Alexandre Macieira/Prefeitura do Rio

 

Plano Verão

A Prefeitura se prepara para enfrentar as fortes chuvas que costumam castigar a cidade no início do ano. O Plano Verão 22/23 prevê um total de investimentos de R$ 1,2 bilhão para executar 235 obras, como contenção de encostas, dragagem de rios e limpeza de ralos.

Para se ter uma ideia do volume de recursos aplicados, o orçamento elaborado pela gestão anterior, para 2021, previu apenas o gasto de R$ 6 mil em obras da Geo-Rio e R$ 400 mil em ações da Rio-Águas. Entre as ações preventivas, estão a recuperação de encostas e desobstrução de canaletas de drenagem em morros e importantes avenidas da cidade, como na Rocinha, no Santa Marta, na Avenida Niemeyer e na Estrada Grajaú-Jacarepaguá, além de reduzir alagamentos e eliminar pontos críticos de drenagem, como no Jardim Maravilha, em Guaratiba, e na Comunidade do Rollas, em Santa Cruz.

 

As obras de contenção de encostas evitam os deslizamentos de terra em dias de fortes chuvas – Prefeitura do Rio

 

Bairro Maravilha

O programa Bairro Maravilha tem transformado a realidade de regiões da cidade que sofrem com a falta de infraestrutura, levando asfaltamento, drenagem e saneamento básico. Até 2024, serão beneficiadas 90 localidades das zonas Norte e Oeste. Até agora, três obras já foram concluídas e outras 52 estão em andamento. Além disso, 30 obras já licitadas devem ter início em breve e as demais ainda estão na fase de projeto.

 

Obras do programa Bairro Maravilha no Encantado, Zona Norte da cidade – Marcos de Paula/Prefeitura do Rio

 

Luz Maravilha

A iluminação pública foi renovada na cidade graças ao programa Luz Maravilha, uma parceria público-privada (PPP) entre a Prefeitura, por meio da Rioluz, e a empresa Smart Luz, beneficiando ruas de tráfego intenso, túneis e vielas de comunidades. A meta inicial de trocar os 450 mil pontos de luz da capital por lâmpadas de LED foi alcançada no fim de outubro, antes do prazo previsto, que era dezembro. A troca dessas lâmpadas vai levar a uma economia de cerca de R$ 100 milhões às contas públicas do município em 2022. Além disso, pelo menos 7.558 postes de aço deram lugar a modelos de fibra, mais seguros e resistentes.

 

Orla do Rio iluminada em LED – Fabio Motta / Prefeitura do Rio

 

Asfalto Liso

O programa Asfalto Liso vai revitalizar mais de 450 quilômetros de vias em toda a cidade, até 2024, priorizando os grandes corredores de tráfego, que concentram maior fluxo de veículos. A área total executada já passa dos 140 quilômetros. Entre as vias já finalizadas estão Rua Uranos; Rua 24 de Maio; Rua São Francisco Xavier; Avenida Lúcio Costa; Avenida Padre Leonel Franca; Rua São Clemente; Avenida Epitácio Pessoa; e Avenida Padre Guilherme Decaminada.

Além da fresagem, que é a raspagem do asfalto danificado, e do recapeamento, que consiste na aplicação da nova camada de massa asfáltica, são executados serviços como reparo profundo e renivelamento de tampões, bem como aplicação de sinalização horizontal.

 

Máquina executa os serviços do programa Asfalto Liso – Prefeitura do Rio

 

Parques e Praças

A Prefeitura executa um grande projeto de reforma de parques e praças da cidade. A Quinta da Boa Vista, por exemplo, passou por uma extensa revitalização, como parte das ações em comemoração do Bicentenário da Independência. Entre outros serviços, foram entregues, novos em folha, o jardim-terraço que fica diante do Museu Nacional, os quatro portões do parque, monumentos e esculturas. O Parque do Flamengo também passa por uma reforma completa, que inclui os campos de futebol em grama sintética, as quadras esportivas, manutenção dos pavimentos da ciclovia e da pista de skate.

Na Lagoa Rodrigo de Freitas, é feita a fresagem e recapeamento de toda a pista da ciclovia, além de implementação de rota alternativa nos trechos do Parque dos Patins e do Corte do Cantagalo. Na Glória, os serviços incluem a recuperação do asfalto das principais vias de circulação no entorno do bairro, restauração da Murada da Glória e recuperação de pisos em pedras portuguesas e cimento. Já as ações de conservação e manutenção no Parque Madureira têm como destaque a recuperação da quadra de tênis, do playground, das quadras esportivas e do deck dos Arcos Olímpicos.

Também está em andamento a reforma das praças Cláudio Coutinho, no Leblon; Múcio Leão, em Laranjeiras; e na Avenida Martin Luther King, altura do número 13.026, em Fazenda Botafogo, entre outras. No total, são 360 praças que já foram reformadas ou ainda estão passando por melhorias na cidade.

 

O Parque do Flamengo passa por uma reforma completa – Marcos de Paula/Prefeitura do Rio

 

Limpeza Urbana

Para reforçar a limpeza urbana na cidade, a Comlurb aumentou este ano em mais de 300 o número de equipamentos e veículos motorizados dedicados à limpeza urbana, como tratores de praia com implemento acoplado para o peneiramento de areia, varredeiras de grande porte, vans motobomba, trator roçadeira com braço lateral e vans próprias para revitalização de praças, entre outros. Além disso, começaram a chegar as 600 novas ceifadeiras (equipamentos de mão) para roçada de canteiros e jardins. A companhia também colocou em teste nas ruas, em novembro, seu primeiro caminhão compactador movido a Gás Natural Veicular (GNV). O veículo faz menos ruído e é ideal para trabalho noturno.

Outra novidade implantada pela Comlurb são os ecopontos para entrega voluntária de lixo domiciliar, entulho, bens inservíveis e recicláveis, localizados em áreas mais críticas de descarte irregular. Todas essas iniciativas se refletem nos bons resultados do Índice Padrão de Limpeza (IPL), que mede a qualidade da limpeza urbana. Nos últimos dois anos, a média do IPL subiu de 64 para 73 pontos.

 

O novo caminhão movido a gás é quase inodoro em comparação com o motor a diesel – Prefeitura do Rio
Skip to content