Fundação Parques e Jardins intensifica ações na Zona Oeste

Publicado em 10/02/2021 - 17:52 | Atualizado em 10/02/2021 - 17:57
Equipe faz vistoria técnica em praça de Sulacap, na Zona Oeste - Divulgação / Prefeitura do Rio

Equipes da Fundação Parques e Jardins (FPJ) estão percorrendo praças e parques da Zona Oeste, região que tem um dos menores índices de arborização da cidade, para levar revitalização a alguns espaços que estão há meses sem manutenção. Nesta quarta-feira (10/02), o presidente do órgão, Fabiano Carnevale,  o secretário de Meio Ambiente, Eduardo Cavaliere, e o subprefeito da Zona Oeste, Edson Menezes, foram às praças Mário Saraiva, Quincas Borba, Dom Helder Câmara e Nuno Roland, em Jardim Sulacap, para vistoria técnica.

Também nesta quarta, outra área que recebeu equipes da FPJ foi a Praça Dom João Esberard, em Campo Grande. No local foram realizados serviços de poda, capina e limpeza dos canteiros. A Praça do Estudante, também em Campo Grande, e o Largo da Freguesia, em Jacarepaguá, receberam intervenções semelhantes na segunda-feira (08/02).

– Há muito tempo os “verdinhos” não apareciam por aqui. Estamos muito felizes com esse cuidado que voltamos a receber. A Zona Oeste já é uma região carente de vegetação, se não preservarmos o que a gente tem, pode ficar ainda pior – observou a professora Ilde Ginetto, moradora de Jacarepaguá, que fez questão de comemorar a chegada dos servidores da Fundação no Largo da Freguesia.

As primeiras vistorias técnicas da nova administração da FPJ na Zona Oeste aconteceram ainda em janeiro. No início de fevereiro foram vistoriadas as praças do Ó e do Pomar, na Barra da Tijuca;  Mozart Firmeza e Alameda Sandra Alvim, no Recreio; e Dr. José Baltar e Agapanto, em Vargem Grande. Também foram realizadas as primeiras ações de limpeza e manutenção na praça Francisco Barbosa, em Campo Grande.

– As vistorias são importantes e necessárias para darem início a um cronograma de ações. Assim como está acontecendo na Zona Oeste, estamos percorrendo toda a cidade para atender solicitações antigas da população e recuperar muitos espaços que estão descuidados – afirmou Fabiano Carnevale.

Ele destacou também que a fundação está comprometida em implementar o Plano de Arborização Urbana, elaborado em 2015 e que ainda não saiu do papel.

Prefeitura faz força tarefa para limpeza de rios e bueiros da cidade para evitar enchentes e alagamentos

  • 10 de fevereiro de 2021