Coral Atrás da Nota, formado por servidores da Prefeitura do Rio, participa de festival internacional uruguaio 

Publicado em 04/06/2021 - 07:00 | Atualizado em 04/06/2021 - 07:22
  • Início/
  • /
  • Coral Atrás da Nota, formado por servidores da Prefeitura do Rio, participa de festival internacional uruguaio 
O Coral Atrás da Nota - Divulgação

O Coral Atrás da Nota é uma das atrações do Festival Internacional Virtual que acontecerá neste sábado (05/06), no Uruguai, em comemoração aos 27 anos do Coro Libertad. Oito grupos de cinco países – Brasil, Chile, Paraguai, Argentina, além do Uruguai – estão na programação, que deveria ter ocorrido no ano passado de forma presencial, mas precisou ser adiada devido à pandemia. Formado por servidores ativos e inativos da Prefeitura do Rio, o conjunto existe desde 1994 e já se apresentou em várias cidades brasileiras, além de outros eventos internacionais, na América do Sul.

Até março do ano passado, o coral mantinha sua rotina de ensaios no Clube do Servidor Municipal, sob a regência do maestro e fundador Mario Robert Assef, que está provisoriamente na função de diretor musical, desde sua aposentadoria em dezembro de 2020. No entanto, devido às regras de distanciamento social, os encontros semanais do grupo de 40 servidores vêm acontecendo de forma virtual. A maestrina Beatriz Rodrigues, que integra o conjunto há mais de 8 anos, foi indicada por Assef para dar continuidade ao trabalho de regência e aguarda sua nomeação oficial.

– Nesse momento de crise sanitária,  cantar tornou-se  uma atividade ainda mais essencial para a saúde física e mental  – conta a servidora Ângela Bispo, coralista que ajuda na coordenação do grupo. – Ensaiamos, gravamos e editamos nosso repertório. Iríamos ao Uruguai no ano passado para essa apresentação, mas a Covid alterou os planos. Para não adiar mais o encontro, ele será virtual. Preparamos vídeos com nossas músicas, que serão exibidos para o público na internet.

 

 

O Atrás da Nota tem como objetivos estimular o canto coral, o desenvolvimento do trabalho em equipe e a melhoria da qualidade de vida do servidor municipal. As seleções ocorrem geralmente no início do ano, mas os interessados podem se candidatar a qualquer momento. Não precisa ter formação musical, basta ser da ativa ou inativo e ter interesse nessa atividade. E, claro, quem tem conhecimento técnico é bem-vindo para dividir sua experiência com os colegas.

O coral já fez mais de mil apresentações públicas, inclusive nos festivais internacionais de San Carlos de Bariloche, na Argentina; Mario Baeza em Valparaizo, Viña Del Mar e Santiago, no Chile e na Cidade do México.

O festival será transmitido pelo Facebook, na página https://www.facebook.com/coro.libertad.1

 

O programa do festival – Divulgação
  • 4 de junho de 2021