GM apreende 169 frascos de álcool vendidos ilegalmente por ambulantes em Bangu e na Tijuca

Publicado em 17/03/2020 - 16:52 | Atualizado em 17/03/2020 - 16:56
Produtos apreendidos estavam em recipientes sem identificação. Foto: Divulgação / Guarda MunicipalProdutos apreendidos estavam em recipientes sem identificação. Foto: Divulgação / Guarda Municipal
Guardas municipais apreenderam 169 frascos de álcool sem procedência que estavam sendo comercializados por ambulantes irregulares em ações realizadas nos bairros da Tijuca e de Bangu, zonas Norte e Oeste da cidade. Na manhã desta terça-feira (17/03), guardas da 8ª inspetoria (Tijuca) apreenderam 89 frascos de álcool em gel na Rua General Roca, esquina com Rua Conde de Bonfim, na Tijuca. Os agentes estavam em patrulhamento quando flagraram o homem comercializando os itens por preços entre R$ 5 e R$ 10 reais. Os produtos estavam em recipientes sem identificação. O ambulante e os produtos foram levados para a 19ª DP (Tijuca).

Na Zona Oeste, guardas da 5ª inspetoria (Bangu) aprenderam 80 frascos de álcool em ações de patrulhamento realizadas na segunda e terça, dias 16 e 17, no Calçadão de Bangu. Os itens estavam sendo vendidos por R$ 10. De acordo com os guardas, os frascos tinham cheiro de álcool e as impurezas eram visíveis. Durante as abordagens, os ambulantes fugiram. Os produtos foram descartados.

– Antes de comprar o álcool gel, ou mesmo líquido, o consumidor deve verificar o rótulo, conferindo informações como a finalidade e se há o registro da Anvisa. A venda de produtos sem rótulo ou fora da embalagem original é proibida. E a população precisa fazer a sua parte não comprando produtos nessas condições e ainda denunciando na Central 1746 – alerta Flávio Graça, superintendente de Educação da Vigilância Sanitária.