Prefeitura terá programação especial para a II Semana Carioca de Diversidade Religiosa

Publicado em 14/01/2023 - 13:33 | Atualizado
  • Início/
  • /
  • Prefeitura terá programação especial para a II Semana Carioca de Diversidade Religiosa

A Prefeitura do Rio, por meio da Coordenadoria Executiva de Diversidade Religiosa, vai realizar a II Semana Carioca de Diversidade Religiosa, de 16 a 19 de janeiro. Na segunda-feira (16/1), às 10h30, para marcar a abertura, haverá a 4ª Reunião da Rede Intermunicipal de Liberdade Religiosa, na Cidade das Artes. Na ocasião, será apresentada a consolidação do banco de dados intermunicipal sobre casos de intolerância religiosa.

A II Semana de Diversidade Religiosa tem o objetivo de promover o respeito, a igualdade e a liberdade de fé e de culto, previstos no art. 5º da Constituição Federal.

– A Semana da Diversidade Religiosa é um importante marco simbólico da diversidade do Rio de Janeiro. Nossa cidade foi e é constituída a partir da pluralidade de credos, de raças e de origens. Celebrar a diversidade religiosa no calendário oficial da cidade fortalece a liberdade e o respeito que nossa gente merece. É um exercício pedagógico. É como praticar, institucionalmente, a liberdade cultural e religiosa – declarou Márcio de Jagun, coordenador de Diversidade Religiosa do município.

A Coordenadoria Executiva de Diversidade Religiosa foi criada nesta gestão do prefeito Eduardo Paes para destacar o direito à liberdade de crença e religião de todos os cariocas, com fundamento na cidadania e na dignidade da pessoa humana.  A II Semana Carioca de Diversidade Religiosa foi estabelecida de acordo com a aprovação da Lei 865/2021, de autoria do vereador Átila Alexandre Nunes.

Confira a programação completa no perfil da Coordenadoria: www.instagram.com/diversidade_religiosa_rio/ e aqui:

16/1
– 4ª Reunião da Rede Intermunicipal de Liberdade Religiosa
Abertura: CEDR, Vereador Átila A. Nunes (autor da lei que institui a Semana Carioca de Diversidade Religiosa)
Local: Cidade das Artes
Horário: 10:30 às 14h
Endereço: Av. das Américas, 5300, Sala Eletroacústica – Barra da Tijuca,
Pauta: Consolidação do Banco de dados intermunicipal sobre casos de intolerância religiosa; agendamento dos colóquios inter-religiosos; assuntos gerais.

17/1
– Mesa de conversa: Formalização de Templos
Componentes da Mesa: Samir Nehme (contador, presidente do CRCRJ); Rafael Bello Arcanjo (advogado, membro da Comissão Nacional de Direitos Humanos); Jair Ribeiro (subtenente reformado do CBMERJ, agente de minimização de desastres – Defesa Civil Niterói, conselheiro cultural e coordenador do MNU em Niterói); Vitor Pimentel Pereira (Sacerdote católico oriental, Mestre e Doutorando em Direito na UERJ, especializado em temática de liberdade religiosa e relações entre Religiões e Estado).
Local: Centro de Artes Calouste Gulbenkian
Horário: 10:30 às 13h
Endereço: R. Benedito Hipólito, 125 – Praça XI, Rio de Janeiro – RJ
Pauta: Apresentação de cada etapa do processo de formalização de templos, salientando as obrigações e benefícios advindos do status de pessoa jurídica. O público alvo do encontro são advogados e contadores, profissionais responsáveis pela orientação e encaminhamento das instituições, além de representantes das diversas matrizes religiosas presentes no município.

18/1
– Palestra: Empreendedorismo Religioso – Captação de recursos através de editais
Palestrante: Ana Paula Brito (administradora, especialista em gestão pública com ênfase em gestão de cidades metropolitanas e especialista em auditoria, controladoria e gestão de contas públicas).
Local:  Museu da História e da Cultura Afro-Brasileira (Muhcab)
Horário: 14h às 16h
Endereço: R. Pedro Ernesto, 80 – Gamboa
Pauta: Abordagem das possibilidades de captação de recursos através de editais governamentais ou privados para desenvolvimento de atividades sociais ou culturais desenvolvidas no ambiente religioso que gerem impacto para a coletividade.

19/1
– Seminário: O Olhar Infantil Sobre os Terreiros e o Município
Fotógrafa convidada: Clara Nascimento
Palestrantes: Fabrícia (advogada); Adriana Eloy (pedagoga)
Mediadora: Stela Caputo (jornalista, professora da Faculdade de Educação da UERJ, autora do livro “Educação nos terreiros e como a escola se relaciona com crianças de candomblé”)
Apresentação musical: Escola de Atabaques TUTPC, Mestre Leandro de Oxum
Local: Templo de Jagun
Horário: 14h às 19h
Endereço: R. Saint Hilaire nº 60 – Bonsucesso, Rio de Janeiro – RJ
Atividades: Exposição da amostra fotográfica “Pedrinhas Miudinhas”; Roda de conversa com crianças sobre suas perspectivas de terreiro e seu pertencimento no município; palestra sobre o direito de escolha das crianças sobre sua religião; encerramento com apresentação musical.

  • 14 de janeiro de 2023
  • Skip to content