Obras de expansão do COR batem 50% da meta prevista pelo programa Luz Maravilha

Publicado em 08/07/2022 - 18:41 | Atualizado
A expansão do COR - Divulgação / Prefeitura do Rio

A obra de expansão e modernização do Centro de Operações Rio (COR) chegou a 50% da meta estabelecida pela Prefeitura do Rio, que prevê entregar em dezembro o novo prédio de 1.582m² e três andares na Cidade Nova, região central do Rio. As intervenções no valor de R$ 38 milhões são custeadas 100% pela Parceria Público-Privada (PPP) de iluminação pública e avançam com todos os equipamentos já em processo de compra.

O novo prédio abrigará uma extensão da sala de controle do centro de operações e permitirá a ampliação do telão existente para 102 metros quadrados, além da instalação de bancadas operacionais e monitores e de um datacenter capaz de processar um alto volume de dados para auxílio no monitoramento urbano da cidade. Toda essa estrutura permitirá o acesso a dez mil novas câmeras de vigilância, sendo quatro mil com reconhecimento facial, três mil pontos de conexão semafórica para controle de tráfego, resíduos, chuvas, alagamentos, entre outras atribuições, além de cinco mil pontos de wifi que permitirão a conexão de 200 cariocas por rede. O investimento em alta tecnologia vai transformar o Rio na cidade mais inteligente do país.

O projeto é um dos resultados da Parceria Público-Privada (PPP) de iluminação pública coordenada pela Rioluz em consórcio com a empresa Smartluz por meio do programa Luz Maravilha.

  • 8 de julho de 2022
  • Skip to content