Cerimônia marca um ano da plataforma Adote.Rio, com 290 áreas beneficiadas

Publicado em 25/10/2019 - 17:54 | Atualizado em 27/10/2019 - 23:05
Prefeitura comemora um ano da plataforma Adote.Rio Fotos: Marcos de Paula/Prefeitura do RioPrefeitura comemora um ano da plataforma Adote.Rio Fotos: Marcos de Paula/Prefeitura do Rio

O prefeito do Rio de Janeiro, Marcelo Crivella, comemorou nesta sexta-feira, 25 de outubro, um ano da plataforma digital Adote.Rio, que estimula parcerias com empresas e cidadãos para levar cuidado e manutenção a espaços públicos, desde praças inteiras até pequenos canteiros em frente a prédios residenciais. Para marcar a data, Crivella entregou certificados a três adoções consideradas ícones, por beneficiarem locais marcantes da cidade: os jardins de Burle Marx, em frente ao Vivo Rio, a Praça General Osório, em Ipanema, e a área verde no entorno do Condomínio Alphaville, na Barra da Tijuca.

– Temos que aplaudir o espírito público de quem adota uma área e ajuda a cidade num momento em que enfrentamos a pior crise financeira pela qual o Rio de Janeiro já passou. É um grande exemplo de amor à cidade e de solidariedade civil – elogiou Crivella.

Lançado pela Fundação Parques e Jardins, o programa Adote.Rio funciona numa plataforma digital de fácil acesso, permitindo que qualquer pessoa participe e contribua com o bem-estar da população. Atualmente, o município tem 290 espaços públicos adotados, a maioria praças (130), canteiros (54), áreas verdes (24) e árvores (18). As regiões com mais parceiros são Barra da Tijuca (86), Zona Sul (83) e Ilha do Governador (25). São várias as possibilidades de a população devolver à cidade, cuidado e carinho.

– Esta é uma saída importante que encontramos para melhorarmos áreas de nossa cidade em um momento de dificuldade financeira. E tem dado muito certo – explicou o secretário de Envelhecimento Saudável, Qualidade de Vida e Eventos, Felipe Michel, que tem na sua pasta a Fundação Parques e Jardins.

Nesta sexta-feira, receberam certificado por adoções ícones a empresa Modernate Espetáculos e Eventos (jardins de Burle Marx), representada Thiago Pasterik Amorim, o Instituto Carioca Cidade Criativa (Praça General Osório), por intermédio de Ana Luiza Pizza, e o Condomínio Alphaville, através de Maurício Lane, com a criação de um parque público adaptado de um projeto do paisagista Fernando Chacel. O evento foi aberto pelo Grupo de Percussão da Casa de Convivência e Lazer para idoso Padre Velloso.

MAIS SOBRE O ADOTE.RIO

O Adote.Rio é uma plataforma digital cujo objetivo é estabelecer parcerias com pessoas físicas, empresas, associações de moradores e demais segmentos da sociedade para que praças públicas, jardins e áreas verdes sejam preservados. O programa estimula a apropriação dos espaços pelos cidadãos (qualquer pessoa pode se candidatar a ser adotante) e promove o melhor uso desses locais.

De janeiro a setembro deste ano, 290 adoções já foram efetivadas por meio do portal. Atualmente, a cidade do Rio soma 1,5 milhão de metros quadrados de áreas adotadas, o equivalente a três Quintas da Boa Vista. Entre outros locais potencialmente adotáveis, estão 2.200 praças urbanizadas, 36 parques urbanos,  1.300 monumentos e chafarizes e 450 quilômetros de ciclovia.

– Nossa meta é chagar a 300 adoções até o final deste ano. Além disso, desejamos expandir o programa nas zonas Norte e Oeste da cidade – afirmou o presidente da FPJ, Fernando Gonzales.