Ação de ordenamento chega ao Largo do Machado com fiscalização de trânsito e do comércio de rua

Publicado em 17/06/2019 - 09:43 | Atualizado em 17/06/2019 - 11:25
Seop faz com outros órgãos ordenamento urbano no Largo do Machado. Foto: divulgaçãoSeop faz com outros órgãos ordenamento urbano no Largo do Machado. Foto: divulgação

A Prefeitura do Rio inicia, nesta segunda-feira, dia 17, ação de ordenamento urbano na região do Largo do Machado, na Zona Sul, integrada pela Secretaria Municipal de Ordem Pública (Seop) em conjunto com as secretarias municipais de Fazenda e da Casa Civil.

A operação irá fiscalizar diversas frentes, tais como: o comércio autorizado e não autorizado, o estacionamento e transporte irregulares (vans e kombis de passageiros), as normas sanitárias – para aferir os padrões de consumo e da legalidade de mercadorias -, além de realizar a limpeza urbana e acolhimento da população em situação de rua.

Ao todo, 80 agentes de diversos órgãos municipais e estaduais participam da operação, que segue o mesmo padrão já adotado no Centro da cidade desde 30 de abril.

Comércio de rua é alvo de fiscalização, dentre outros serviços. Foto: divulgação
Comércio de rua é alvo de fiscalização, dentre outros serviços. Foto: divulgação

A força-tarefa terá como base a praça do largo, que será o primeiro ponto de atuação. Ao longo da semana (esta primeira fase irá até sábado, 22), a ação será estendida a outros vias e pontos estratégicos do entorno.

O trabalho também prepara o Largo do Machado para receber o programa “Cuidar da Cidade”, da Secretaria Municipal da Casa Civil, de zeladoria e conservação urbanas.

Órgãos integrados

Integrada pela Subsecretaria de Operações (Subop) da Seop, a operação envolve outros 18 órgãos municipais e estaduais: Guarda Municipal (GM-Rio) e coordenadorias de Fiscalização de Estacionamentos e Reboques (CFER) e Especial de Transporte Complementar (CETC), também ligadas à Seop; as coordenadorias de Licenciamento e Fiscalização (CLF) e Controle Urbano (CCU), da Subsecretaria de Licenciamento de Fiscalização e Controle Urbano da SMF; a Subsecretaria Municipal de Vigilância, Fiscalização Sanitária e Controle de Zoonoses (Subvisa); as secretarias municipais de Transportes (SMTR), Assistência Social e Direitos Humanos (SMASDH), Conservação (Seconserva) e Desenvolvimento, Emprego e Inovação (SMDEI), Rioluz, Cet-Rio, Comlurb, a Superintendência da Zona Sul, além da Cedae, Light e Polícias Militar e Civil.

  • 17 de junho de 2019