Candidatos a voluntários da Defesa Civil recebem aula de primeiros socorros. Quer se inscrever? Saiba como

Publicado em 30/07/2019 - 10:38 | Atualizado em 21/11/2019 - 12:31
Instrutor demonstra ação de primeiros socorros em aula para candidatos a voluntários da Defesa Civil. Foto: divulgaçãoInstrutor demonstra ação de primeiros socorros em aula para candidatos a voluntários da Defesa Civil. Foto: divulgação

Os 50 alunos do curso que forma voluntários da Defesa Civil municipal tiveram aula de capacitação em primeiros socorros no último fim de semana. Na programação, simulação de ferimentos com maquiagem cenográfica e atividades lúdicas também. Essa é a segunda turma do Projeto Voluntariado/2019. O número de participantes é um recorde para o programa, já que corresponde a 50% do total dos formados até hoje. Desde a reformulação do projeto, em 2016, 103 pessoas se formaram nos seis grupos que passaram pelo curso.

Voltado a todos que desejam doar parte do seu tempo à proteção comunitária, o Programa de Voluntariado da Subsecretaria de Proteção e Defesa Civil do Rio (Subpdec), vinculada à Secretaria Municipal de Ordem Pública,é aberto a toda a população. A inscrições são gratuitas, no site da Defesa Civil.

– A atividade do sábado, 27 de julho, foi conduzida pelo coronel bombeiro David Spilmam e o enfermeiro José Marcio, que fizeram instrução aos alunos para prestarem um primeiro atendimento em caso de emergência. Contamos também com profissionais da área de educação, guardas municipais e salva-vidas – conta o gerente de projetos e pesquisa da Defesa Civil, Alexander Araújo.

Turma atual tem até Papai Noel

É Nathan Rubens Lee, de 45 anos. Ator, produtor de eventos e ‘bom velhinho’ há 25 anos, Nathan também é resgatista e socorrista, além de realizar ações sociais por meio do Grupo Momentos (Gmom), que criou com amigos e familiares. Ele conta que se inscreveu no curso da Subpdec para aprimorar seus conhecimentos e assim poder ajudar mais pessoas. Inclusive, vestido com o tradicional traje vermelho, o ator dividiu parte de sua experiência (participou de ações voluntárias na Região Serrana castigada pelas chuvas de 2010) com os parceiros de turma na aula deste sábado.

Turma de futuros voluntários da Defesa Civil, com o Papai Noel Nathan entre os alunos. Foto: divulgação
Turma de futuros voluntários da Defesa Civil, com o Papai Noel Nathan entre os alunos. Foto: divulgação

– O objetivo é ajudar pessoas que não conhecemos, que estão na linha de risco, que têm menos possibilidades que a gente. Sou ex-morador do Morro do Alemão e presenciei situação de extrema pobreza, por isso sei a diferença que atitudes como essa fazem na vida dessas pessoas – afirma Nathan, com a solidariedade típica do bom Noel.

Ação até fora do Rio

Ferimento feito com maquiagem cenográfica para aula a futuros voluntários da Defesa Civil. Foto: divulgação
Desde que foi repaginado, em 2016, o Programa Voluntariado – que visa a preparar os participantes para uma primeira resposta em casos de desastre – está em sua sétima turma, a segunda deste ano, com expectativa de formação de 50 novos voluntários, a maior adesão desde o início do programa. Ao fim, os participantes recebem um certificado e podem atuar apoiando outros projetos da Defesa Civil, além de replicar o aprendizado na sociedade. Não só em relação às chuvas da cidade, mas também a outras tragédias Brasil afora, como foi no caso da cidade mineira de Brumadinho.

Entre os temas ministrados por técnicos do órgão, por meio de módulos de ensino, estão percepção de risco, resiliência, sistema de alerta e alarme, prevenção e combate a incêndios. As aulas teóricas e práticas acontecem na sede da Defesa Civil, em Vila Isabel, e no Centro de Operações da Prefeitura (COR), na Cidade Nova.