Prefeitura trabalha na limpeza e no desassoreamento do Rio Grande, na Cidade de Deus

Publicado em 04/10/2022 - 09:58 | Atualizado
Mais de 60 mil toneladas de material assoreado já foram retiradas do canal - Divulgação

A Prefeitura do Rio, por meio da Fundação Rio-Águas, ente vinculado à Secretaria Municipal de Infraestrutura, trabalha na limpeza e no desassoreamento do Rio Grande, na Cidade de Deus. O investimento é de R$ 2,7 milhões do município na prevenção de enchentes e alagamentos. Os trabalhos têm previsão de término até dezembro.

Mais de 60 mil toneladas de material assoreado já foram retiradas do canal, o que representam mais de 5 mil caminhões. Quatro escavadeiras hidráulicas trabalham na limpeza do rio, ao longo da Avenida Cidade de Deus, no trecho da Avenida Marechal Miguel Salazar Mendes de Moraes até o encontro com o Rio Arroio Fundo.

 

– Essa limpeza do Rio Grande trará melhorias significativas no escoamento das águas pluviais das localidades do entorno do rio, como a Cidade de Deus. Os serviços beneficiam a extensão de 2.100 metros de rio. A expectativa é de que sejam retiradas cerca de 70 mil toneladas de material do canal, o que equivale a mais de 5.800 caminhões basculantes – destacou o presidente da Fundação Rio-Águas, Wanderson Santos.

 

– A limpeza do Rio Grande é importante para a região. Estamos organizados para terminar os serviços até o fim deste ano para estarmos mais preparados para as chuvas de verão. A Prefeitura está fazendo intervenções muito relevantes para prevenção de enchentes e alagamentos – afirmou a subprefeita de Jacarepaguá, Talita Galhardo.

  • 4 de outubro de 2022
  • Skip to content