Vila Olímpica da Mangueira abre turma de ginástica rítmica para adultos e idosos

Publicado em 29/03/2022 - 11:29 | Atualizado
As aulas para adultos e idosos começaram na última semana na Vila Olímpica da Mangueira - Divulgação

Quem pensa que ginástica rítmica é só para crianças e jovens está enganado. A Vila Olímpica da Mangueira inaugurou na última semana a primeira turma voltada para adultos, a partir de 20 anos, e idosos. As aulas são gratuitas e realizadas as terças e quintas, às 9h. Elas são ministradas pela professora Guta Buarque, que começou a praticar a modalidade aos 12 anos e ajudou a implementá-la na Vila Olímpica da Mangueira, onde atua há 22 anos.

 

– É uma iniciativa fantástica, inclusive podermos ver pessoas que sonhavam em ser ginastas experimentarem a modalidade, mesmo que já adultas. Acredito que os equipamentos esportivos devem seguir desenvolvendo cada vez mais atividades para todos os públicos – afirmou o secretário de Esportes, Guilherme Schleder.

 

Acostumada a trabalhar com crianças e adolescentes, a professora Guta Buarque está entusiasmada com o novo desafio e conta que é apaixonada pelas possibilidades que a ginástica pode trazer para quem pratica, independente do nível técnico e do objetivo. A novidade era um pedido antigo das mães de suas alunas.

 

– Elas vinham trazer as crianças, ficavam assistindo as aulas e se encantavam pela ginástica. O trabalho é diferente do realizado em relação à iniciação, mas assim que lançamos a possibilidade da turma, o interesse foi imediato – disse a professora.

 

A ginástica rítmica é uma modalidade olímpica que surgiu na década de 1920 e tem como objetivo desenvolver habilidades como ritmo, flexibilidade, concentração, equilíbrio, agilidade e expressão artística. A professora lembra que a modalidade possui características próprias, como o uso dos aparelhos arco, maça, bola, fita e corda.

 

– É uma proposta diferente do alongamento, do funcional, que as adultas estavam acostumadas. A ginástica rítmica possui características únicas, como o uso da sapatilha, roupa diferenciada, o porte dos aparelhos da modalidade, mas vamos trabalhando de maneira progressiva para que elas entrem nesse universo e virem ginastas – complementou Guta.

 

Restam poucas vagas. Os interessados devem realizar a matrícula na secretaria da Vila, de segunda-feira a sexta-feira, das 7h às 18h. Os documentos necessários são: cópias da carteira de identidade, CPF e comprovante de residência, além de atestado médico ou preenchimento do Parq na secretaria. Todos acima de 12 anos devem apresentar o comprovante de vacinação contra a Covid-19. A Vila Olímpica da Mangueira fica na Rua Santos Melo 73, São Francisco Xavier.

  • 29 de março de 2022