Professor de karatê de vila olímpica da Prefeitura luta por vaga nos Jogos de Tóquio

Publicado em 01/06/2021 - 09:42 | Atualizado em 01/06/2021 - 09:46
  • Início/
  • /
  • Professor de karatê de vila olímpica da Prefeitura luta por vaga nos Jogos de Tóquio
Lutador vai disputar, de 10 a 12 deste mês, o Pré-Olímpico da modalidade, em Paris - Marcos de Paula/Prefeitura

A Vila Olímpica Professor Manoel José Gomes Tubino, no Mato Alto, pode ter um representante nos Jogos de Tóquio, em julho. O mestre de karatê Filipe Medeiros vai disputar, de 10 a 12 deste mês, o Pré-Olímpico da modalidade, em Paris. São mais de 40 inscritos na categoria dele (+ 75 quilos) e somente três carimbam vaga para o Japão. Na estreia desta arte marcial numa olimpíada, o lutador de 27 anos deseja fazer parte dessa história ainda a ser escrita.

– Treino todo dia firme. Estou bem tranquilo, não me sinto pressionado. Estou com boa vibe, sem ficar me cobrando. Vou chegar lá e fazer o meu melhor – disse Filipe Medeiros, atleta da seleção brasileira da modalidade. Sua relação com o equipamento municipal é de gratidão. É ali que treina há 7 anos e onde se preparou para ir com tudo em busca do sonho olímpico.

 

Filipe Medeiros treinando na Arena 3 do Parque Olímpico – Marcos de Paula/Prefeitura

 

Seus cem alunos da vila olímpica estão na torcida, esperançosos pela classificação do professor. Mandam mensagens de apoio pelo celular e “enviam energia positiva”, assim como amigos e familiares. Na contagem regressiva para o compromisso em Paris, ele já tem a receita para controlar a ansiedade.

– Transformo isso em motivação, em vontade de lutar. Tem que ter muito cuidado para a ansiedade não atrapalhar. É o sonho de qualquer atleta participar de uma olimpíada. Estou na disputa.

O técnico Maurício Santiago é só confiança. – A expectativa é de classificação. Estamos treinando muito, muito, não é possível. Não estamos indo de bobeira. Vamos buscar a vaga.

 

Veja mais imagens do fotógrafo Marcos de Paula:

 

 

 

 

 

“Sem a Vila Olímpica, já teria desistido”, diz o lutador Filipe Medeiros, em busca da vaga para Tóquio

Do lixão para a vila olímpica, jovem alimenta sonho de medalha nos Jogos de Paris

Ana Sátila: “Parque de Deodoro nos deixa prontos para o que der e vier nos Jogos de Tóquio”

  • 1 de junho de 2021