Rio-Águas divulga balanço de serviços essenciais em canais da cidade

Publicado em 27/06/2020 - 10:59 | Atualizado em 27/06/2020 - 10:59
Mais de 40 canais receberam serviços de limpeza em 90 dias. - Foto: Divulgação/Rio-Águas

A Prefeitura do Rio, por meio da Fundação Rio-Águas, divulga balanço de serviços essenciais em rios e canais da cidade, durante o período de isolamento social. O objetivo dos trabalhos é prevenir alagamentos
.
Em 90 dias, foram realizados trabalhos de limpeza e desobstrução em 41 canais municipais e retiradas mais de 28 mil toneladas de material assoreado do fundo dos rios, que representam mais de 1.670 caminhões.

As localidades atingidas pelas fortes chuvas do início de março foram priorizadas, como Jardim Maravilha, Rio das Pedras, Camorim e Taquara, em Jacarepaguá.

Mais de 30 áreas foram atendidas com serviços de prevenção de enchentes, como Barra da Tijuca, Campo Grande, Deodoro, Guaratiba, Recreio dos Bandeirantes, Sepetiba, na Zona Oeste; Encantado, Campinho e Oswaldo Cruz, na Zona Norte.

Com todos os cuidados contra o contágio do novo coronavírus, os operários da Rio-Águas trabalham em canais importantes para evitar alagamentos, durante as chuvas. Os serviços de manutenção em canais prosseguem durante todo o ano.