Prefeito anuncia segundo empreendimento residencial na Região Portuária

Publicado em 07/07/2021 - 15:51 | Atualizado
Paes disse que as pessoas que investirem no Centro do Rio terão apoio da Prefeitura - Beth Santos/Prefeitura do Rio

O prefeito do Rio, Eduardo Paes, participou nesta quarta-feira (07/07) do anúncio do segundo empreendimento residencial do Porto Maravilha, um mês depois de o primeiro ter sido lançado. O novo investimento marca a consolidação da Região Portuária como foco do mercado imobiliário em trazer pessoas para morar ao lado do Centro da cidade. Todas as unidades do primeiro foram vendidas em pouco mais de duas semanas.

– Quanto mais a cidade cresce para áreas sem infraestrutura, distantes dos locais de trabalho, pior será essa cidade. Se isso acontecer, as pessoas vão ficar mais tempo dentro dos transportes públicos ou engarrafadas no trânsito. A Prefeitura vai ter que construir mais escolas, postos de saúde, ou seja, o custo com a manutenção aumenta. Aqui você tem uma área no centro da metrópole com toda a infraestrutura do mundo, que tem escola, hospital, posto de saúde, transporte público abundante e de qualidade na porta. A cidade tem que comemorar isso – disse o prefeito.

O empreendimento ficará na esquina das ruas Cordeiro da Graça e Equador, no Santo Cristo. A Cury Construtora comprou por R$ 15 milhões o terreno, de 7.175 m², do fundo de investimento da Companhia de Desenvolvimento Urbano da Região do Porto do Rio de Janeiro (Cdurp), empresa pública do município. Além disso, a construtora teve que desembolsar R$ 21 milhões na compra de Certificados do Potencial Adicional de Construção (Cepacs).

– Sempre focamos para que se tenham lançamentos residenciais aqui nessa região, queremos gente morando no Centro do Rio de Janeiro. Esse é um projeto que sempre dissemos que era viável e possível. Nós vamos priorizar essa região da cidade. Quem topar investir, fazer lançamento e comprar imóvel no Centro da cidade vai ter uma região valorizada pela Prefeitura – afirmou Paes.

Para o presidente Cdurp, Gustavo Guerrante, o Porto Maravilha vive momento de grande retomada de investimentos, fato que não poderia ser melhor para o anúncio de novos empreendimentos.

– Anunciar o segundo residencial em tão pouco tempo após o primeiro é mostrar que o Porto Maravilha, ao contrário do que muitos andam dizendo por aí, não foi um projeto que fracassou. A revitalização que esta região passou e ainda passa com a arte urbana, por exemplo, está longe de ser um fracasso. Muito pelo contrário: é um sucesso. E este sucesso é coroado com o momento que vivemos – comemorou Guerrante.

O segundo residencial da região portuária deverá contar com mais de 700 unidades de um, dois e três quartos, além de um espaço de co-working para moradores com vista para a Baía de Guanabara no último andar. O vice-presidente comercial da Cury Construtora, Leonardo Mesquita, reforça o compromisso em ajudar o Porto Maravilha a atingir um de seus objetivos principais, como um local para se morar perto do trabalho.

– É uma realidade que chegou para ficar.  Acreditamos muito no potencial da região, com mobilidade, lazer e comodidade para seus futuros moradores. Por isso é um prazer anunciar que seremos responsáveis também pelo desenvolvimento do segundo empreendimento residencial do Porto Maravilha – afirmou Leonardo.

No início do mês passado, a Cury Construtora lançou a primeira fase do Rio Wonder, primeiro empreendimento residencial do Porto Maravilha, e vendeu todas as 470 unidades em pouco mais de duas semanas. Com esse sucesso a construtora planeja lançar em breve a segunda fase do projeto.

  • 7 de julho de 2021