Idosos do programa EmpregabilIDADE vão trabalhar em escolas municipais

Publicado em 05/02/2020 - 17:52 | Atualizado em 16/02/2020 - 15:27

O Programa EmpregabilIDADE, lançado no ano passado pela Secretaria Municipal de Envelhecimento Saudável, Qualidade de Vida e Eventos, vai empregar cem pessoas acima dos 60 anos em escolas municipais para trabalhar como porteiros.

Os escolhidos fizeram o cadastramento na própria Secretaria, que começou em dezembro de 2019, e ultrapassou a marca dos cinco mil. Na primeira etapa, 250 idosos foram contratados para trabalhar em empresas, e outros 250 como temporários no período de carnaval, atuando nos camarotes do Sambódromo e em eventos espalhados pela cidade.

As 100 novas vagas surgiram graças a uma parceria com a Secretaria Municipal de Educação. Wanda Ferreira de Souza, de 66 anos, já saiu da Prefeitura com o uniforme e o material de trabalho que usará numa escola na Praça Seca, em Jacarepaguá.

“Fiz minha inscrição em janeiro e já fui chamada. Estou muito feliz e animada para voltar a lidar com o público, pois já trabalhei como promotora de vendas”, contou Wanda (foto).

A carga horária dos porteiros contratados é de 44 horas semanais. O secretário Felipe Michel, idealizador do programa, que se transformou em política pública graças a um decreto assinado pelo prefeito Marcelo Crivella, diz que o número de empresas interessadas em contratar idosos não para de crescer.

“Os empresários estão enxergando o potencial dessas pessoas, que, além de experiência, têm muita vontade de trabalhar e sentir útil. É um privilégio ter deixado este legado para a cidade do Rio de Janeiro”, disse o secretário.