Coronavírus: Veja aqui novas medidas adotadas pela Prefeitura nesta terça-feira para conter a pandemia na cidade

Publicado em 24/03/2020 - 21:56 | Atualizado em 25/03/2020 - 08:42
Militar é vacinado contra a gripeMilitar é vacinado contra a gripe. Foto: Hudson Pontes / Prefeitura do Rio

O prefeito do Rio de Janeiro, Marcelo Crivella, recebeu na manhã desta terça-feira (24/03) o primeiro efetivo das Forças Armadas que atuará no combate ao novo coronavírus na capital. São 30 militares enfermeiros (27 do Exército e 3 da Marinha) que ajudarão na vacinação contra a influenza, cujo calendário foi antecipado porque um aumento de casos de gripe complicaria as ações contra a Covid-19 nas unidades de saúde do município. O prefeito também recepcionou 30 enfermeiros da Cruz Vermelha Brasileira, que se unirão a esse esforço.

Esses 60 profissionais de saúde vão trabalhar no posto drive thru de vacinação contra influenza que começará a funcionar esta semana no Riocentro, imunizando pessoas com mais de 60 anos. A Campanha Nacional de Vacinação contra a gripe começou ontem (23/03). A dose está disponível nas unidades de Atenção Primária (clínicas da família e centros municipais de saúde), de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h.

Crivella também informou que mil vagas obtidas junto a hotéis da cidade serão usadas para abrigar idosos que vivem em locais onde há aglomeração, com risco maior de contágio.  Esse tipo de hospedagem está previsto para começar nesta semana.

O prefeito também anunciou que os serviços do BRT serão suspensos durante a madrugada, e estações com baixa procura ficarão fechadas. A partir desta quarta-feira (25), todas as estações do BRT não irão funcionar de 0h às 4h, tendo em vista que a procura de passageiros nas madrugadas já é muito reduzida. Além disso, 28 estações com baixa demanda de passageiros, localizadas nos três corredores do sistema ficarão fechadas temporariamente, também a partir desta quarta, a fim de evitar qualquer aglomeração.

Em outra frente de combate à pandemia, a Prefeitura do Rio deu início à higienização em áreas onde há mais concentração de pessoas. O trabalho está sendo feito em pontos de ônibus, acessos às estações de metrô, BRT, barcas e trens, Central do Brasil, Rodoviária e entorno dos principais hospitais municipais e estaduais.

Acompanhe a seguir o resumo com as principais medidas adotadas nesta terça feira para conter o contágio do Covid-19.

▶ SAÚDE

– Esvaziou o Hospital Ronaldo Gazolla para atender apenas os pacientes com o novo coronavírus. A unidade foi definida como o hospital de referência no município para o tratamento de pacientes com a doença que precisarem de internação.

– Nesta terça-feira, segundo dia de vacinação contra a gripe, a SMS ganhou reforço de profissionais do Exército para atuação na campanha

– Foi publicado no Diário Oficial de hoje o chamamento de estudantes de medicina e de fisioterapia aprovados como acadêmicos bolsistas e profissionais de Enfermagem aprovados para Residência em Enfermagem de Família e Comunidade

– Para ampliar a cobertura, a SMS vai convidar médicos e enfermeiros da cidade para retirarem gratuitamente, nos 28 postos da vigilância em saúde, as doses da vacina para oferecer a parentes, vizinhos e pacientes. Além disso, idosos acima de 80 anos que tenham cadastro nas clínicas da família serão vacinados em casa. A população em situação de rua também começou a ser vacinada nesta segunda.

– A SMS adotou medidas para ampliar os pontos de vacinação e, assim, colaborar para o isolamento social necessário em função do avanço do Covid-19. Entre elas está a vacinação drive thru. São 52 vacinadores distribuídos em cinco postos do Detran-RJ, onde o idoso será vacinado pela janela do veículo, sem precisar descer do carro. Não há acesso de pedestres nesses postos.

O drive thru da vacinação acontece nos postos do Detran de Campo Grande, da Barra, da Ilha do Governador, da Tijuca e do Catete, com o suporte de agentes da Guarda Municipal, da CET Rio e da Comlurb. Não é permitido o acesso de pedestres aos postos, que funcionarão de 10h às 16h, inclusive no sábado e no domingo da próxima semana (28 e 29/03), todos os dias, até 3 de abril.

– A segunda fase da campanha de vacinação contra gripe começa no dia 16 de abril. A vacina estará disponível para três outros grupos: professores das escolas públicas e privadas; profissionais das forças de segurança e salvamento; portadores de doenças crônicas.

– Já no sábado, 9 de maio, dia D de mobilização nacional, começa a terceira fase da campanha, com mais grupos inseridos: crianças de seis meses a 5 anos, 11 meses e 29 dias; gestantes e mulheres até 45 dias após o parto; população privada de liberdade e funcionários do sistema prisional; indígenas; adultos de 55 a 59 anos; pessoas com deficiência.

SERVIÇO

UNIDADES DE SAÚDE DA SMS
233 Clínicas da Família e Centros Municipais de Saúde
Onde ser vacinado? http://www.rio.rj.gov.br/documents/73801/390b022a-fd09-494d-a972-cd4342f21596
Horário: 8h às 17hDrive Thru da Vacinação
Horário: 10h às 16h
Postos Detran-RJ
Campo Grande – Estrada do Mendanha, 1672
Ilha do Governador/Infraero – Estrada de Tubiacanga s/n
Barra da Tijuca – Av. Ayrton Senna, 2541
Catete – Rua Machado de Assis, 80 1
Tijuca/Haddock Lobo –– Rua João Paulo I, 194

▶ CET-RIO

– A CET-Rio montou esquema para ordenar o trânsito em todos os postos de vacinação contra a Influenza do Detran. Além disso, a sinalização do Riocentro já está concluída com o objetivo de que os idosos sejam atendidos nos seus carros com toda a segurança. Operadores da CET-Rio orientam os motoristas em todos os postos, durante o período da vacinação.

– Suspensão por tempo indeterminado de autorizações para eventos (culturais, esportivos e outros).

– CET-Rio e a Guarda Municipal estão presentes desde às 7h da manhã monitorando e organizando o trânsito no entorno dos postos de vacinação na cidade. Foram montadas linhas de cones para organização das filas e está sendo combatida a espera em fila dupla. Verifica-se uma grande procura por todos os postos, com destaque para os postos da Barra da Tijuca, Catete e Haddock Lobo. A recomendação é que as pessoas evitem ser dirigir aos postos de vacinação neste momento, visto que a procura está muito forte neste primeiro dia e a vacinação.

– A CET-Rio também está atuando nas estações do BRT para evitar que os ônibus circulem com passageiros em pé.

▶ TRANSPORTES

– Serviços do BRT serão suspensos durante a madrugada e estações com baixa procura ficarão fechadas. A partir desta quarta-feira (25), todas as estações do BRT não irão funcionar de 0h às 4h, tendo em vista que a procura de passageiros nas madrugadas já é muito reduzida. Esta é uma iniciativa da Prefeitura do Rio, por meio da Secretaria Municipal de Transportes, inteiramente alinhada com o BRT. Além disso, 28 estações, com baixa demanda de passageiros, localizadas nos três corredores ficarão fechadas temporariamente, também a partir desta quarta, a fim de evitar qualquer aglomeração. Desta forma, as ações de fiscalização para controlar o embarque dos passageiros, que só podem ser transportados sentados, serão aprimoradas.

As estações que ficarão fechadas, por corredor, são:

Transoeste – General Olímpio, Cajueiros, Vendas de Varanda, Embrapa, Dom Bosco, Recanto das Graças, Guiomar Novaes, Nova Barra, Benvindo Novaes, Guignard, Gelson Fonseca, Golfe Olímpico, Américas Park, Bosque da Barra, Paulo Malta Resende;

Transcarioca – Praça do Bandolim, Rec. das Palmeiras, André Rocha, Pinto Teles, Vila Queiroz, Marambaia, Vila Kosmos, Praça do Carmo e Ibiapina;

Transolímpica – Catedral do Recreio, Olof Palme e Minha Praia.

– Fiscalização: Os fiscais da Secretaria Municipal de Transportes voltam às ruas para novas ações nos corredores do BRT. Desde o início das ações por conta do coronavírus, foram registradas 63 autuações por descumprimento da ordem, sendo 12 nesta terça-feira.
– Limitação da gratuidade para idosos nos ônibus municipais: Para que só usem se precisarem se deslocar para obter atendimento médico. As viagens, que antes eram livres, passam a ter o limite de quatro por dia.

– Criação de duas linhas temporárias de ônibus convencionais (Campo Grande x Alvorada e Santa Cruz x Alvorada), com o objetivo de aumentar a oferta de assentos no deslocamento entre os trechos, tendo em vista a determinação de que os passageiros devem ser transportados sentados. Os itinerários não terão paradas intermediárias e os ônibus vão circular paralelamente à pista do BRT Transoeste.

– A Prefeitura do Rio autorizou os taxistas a informarem sobre o desconto de 40% nas viagens para os idosos que forem se vacinar contra a gripe. O informativo deve ficar no vidro lateral traseiro (lado direito ou esquerdo).

▶ ASSISTÊNCIA SOCIAL

– Oferta de mil vagas em hotéis para idosos autônomos de comunidades carentes da cidade com o objetivo de reduzir o risco de contágio dessa população que pertence ao grupo de risco do Covid-19. Dois hotéis já foram selecionados, um na Barra da Tijuca e outro em Jacarepaguá, que são as localidades mais impactadas, e 120 vagas estarão disponíveis para serem ocupadas no inicio da próxima semana. Os idosos serão selecionados pela Secretaria Municipal de Saúde. O acolhimento irá contar com serviço de hotelaria, refeições diárias, rouparia e lavanderia.

– A partir de amanhã, quarta-feira (25), começam a chegar 5 mil cestas básicas para a população que foi atingida economicamente pela pandemia do novo coronavírus, como taxistas que pagam diária, ambulantes cadastrados e brecholeiras. O objetivo é entregar 20 mil cestas, que estão sendo montadas de acordo com um balanço nutricional e contém 18 itens. Um esquema de distribuição será montado para evitar aglomeração.

– Pontos de acolhimento dentro do Sambódromo: três espaços serão utilizados e a previsão é que a Comlurb faça a limpeza do local. A Riourb fará adaptações na parte hidráulica com instalações de chuveiros e pias. A primeira unidade será preparada para receber 128 homens adultos, a segunda unidade terá 144 vagas disponíveis para receber mães com crianças, gestantes e mulheres e a terceira terá capacidade para até 120 idosos. As unidades serão dotadas de beliche e roupa de cama, totalizando cerca de 400 vagas. A expectativa é que em 10 dias o espaço já esteja adaptado para receber esta população em situação de rua.

– Ponto de Acolhimento em Santo Cristo, o local contará com até 100 vagas para abrigar, exclusivamente, homens adultos. Eles serão acomodados em beliches e o espaço também contará com containers que poderão ser utilizados para isolamento em caso de contágio de algum abrigado pelo Covid-19. A Secretaria já entrou em contato com o Exército Brasileiro para o empréstimo de barracas de campanha e a expectativa é que o espaço também fique pronto em 10 dias.

– Espaço Firjan: em prédio na localidade de Honório Gurgel.

-Kits de higiene para população em situação de rua: começou na segundaA-feira (23/03). A medida pretende auxiliar esta população na prevenção em relação ao COVID-19. Ao todo cerca de 400 Kits, compostos de Sabonete Líquido, Papel Higiênico e Lenço Umedecido foram distribuídos.

– Os CRAS e CRES continuam abertos, porém com horário diferenciado de atendimento, das 10h às 14h, com agendamento pra preservar a integridade da saúde tanto dos colaboradores, como os usuários.

 

▶ CAMPANHA DE ARRECADAÇÃO

– Realização de campanha de solidariedade para arrecadação de roupas. Poderá ocorrer presencialmente, na Barra da Tijuca, ou pelo endereço Carioca Digital http://carioca.rio

▶ EDUCAÇÃO

– Aplicativo SME CARIOCA, lançado pela Secretaria Municipal de Educação para manter os alunos estudando durante o período de suspensão das aulas, registrou até  esta terça-feira cerca de 330 mil acessos, inclusive de países da Europa, América do Sul, Ásia e América do Norte. Acesso a partir de celulares e também de computadores através do link https://app.vc/smecarioca2020.

– A Secretaria de Educação está desenvolvendo conteúdos específicos para a plataforma de aulas digitais da Microsoft Teams.

– Plataformas de matemática e de alfabetização, acessíveis pelos sistemas MATIFIC e ALFA E BETO, também estão disponíveis por alunos dos respectivos anos de ensino.

– Ampliação de rede de internet para uso de professores e alunos já foi solicitada para facilitar os acessos.

– Material de Complementação Escolar, com vários recursos de apoio pedagógico ligados aos conteúdos curriculares dos anos de Escolaridade da Educação Básica, está disponível no site multi.rio/mce.

– Material Didático Escolar também está aberto para consultas no Portal da MultiRio (www.multirio.rj.gov.br).

– Conteúdos audiovisuais disponíveis (www.multirio.rj.gov.br/assista)

 

▶ PREVI-RIO

– Atendimento presencial está suspenso para abertura do processo de pensão.

– Estão suspensos de hoje, 23/03, até o dia 15/04, os atendimentos presenciais no Previ-Rio para abertura de processos de PENSÃO. Os requerimentos poderão ser realizados normalmente pelo site do Instituto, a partir do dia 30/03.

– Requerimentos da Gerência Financeira serão feitos através da página do Previ-Rio

– Em virtude da pandemia do Coronavírus, as solicitações da Gerência Financeira serão feitas através do link abaixo.
https://bit.ly/previrio
1. Certidão Declaratória de Situação (Nada Consta)
2. Todos assuntos sobre Financiamento Imobiliário
3. Emissão de Guia de Pagamento
4. Requerimentos de parcelamentos de débitos (Suspenso nesse momento)
5. Certidão de inteiro teor (Suspenso nesse momento)- Prorrogado até junho o prazo para os benefícios: Auxílio-medicamento, moradia e continuidade de pensão de universitários

▶ RESTAURANTES POPULARES

– A partir desta quarta-feira (25/03), os restaurantes populares de Bangu e Bonsucesso vão abrir das 17h às 20h, para o jantar. O valor da refeição será R$ 2, o mesmo já cobrado no almoço.

– A partir de quinta-feira, 26/03, o restaurante de Campo Grande, também, passará a abrir para o jantar. Essa medida ajudará, principalmente, trabalhadores autônomos, que terão sua renda comprometida por conta do isolamento.

– É importante ressaltar que esse terceiro turno nas três unidades não trará despesa para a Prefeitura, pois será compensada com a diminuição dos frequentadores no horário do almoço.

 

▶ ORDEM PÚBLICA

– Ações preventivas: mais de 200 estabelecimentos orientados desde a semana passada

– A Seop, em ações conjuntas com outros órgãos municipais, vem orientando, desde a última quinta-feira (19/03), sobre a necessidade de encerramento preventivo do comércio. Mais de 200 estabelecimentos (incluindo quiosques, bares e boates) foram orientados, presencialmente, em ações na orla e outros pontos das zonas Sul e Oeste, na Saara (um dos principais polos de comércio popular da cidade, no Centro), e no bairro de Madureira, na Zona Norte. Com planejamento e integração da Subsecretaria de Operações (Subop) da pasta, as ações contaram com efetivos da Guarda Municipal e da Secretaria Municipal de Fazenda, além da Subsecretaria de Vigilância Sanitária e da Polícia Militar, de acordo com a necessidade operacional.

– As equipes acompanharam o fechamento do comércio na cidade, que passou obrigatório, por tempo indeterminado, conforme determinação do prefeito Marcelo Crivella, desde o início desta terça-feira. As exceções são para farmácias, supermercados e hortifrútis; padarias; pet shops; e lojas de equipamentos médicos e ortopédicos. Mais informações no link: https://bit.ly/39drKZE.

 

▶ GUARDA MUNICIPAL

– A Guarda Municipal do Rio iniciou nesta terça-feira (24/03) a distribuição de material para a higienização e proteção dos agentes nas unidades operacionais. Foram adquiridos itens como máscaras, álcool em gel, luvas, sabonete líquido, papel toalha, água sanitária e alvejante.

– Vale ressaltar que a Vigilância Sanitária recomenda o uso de máscaras somente para profissionais da saúde ou para quem está doente.

– Outra medida de proteção para os servidores foi colocar aproximadamente 500 guardas em regime de prontidão domiciliar, por fazerem parte do grupo de risco de contaminação do coronavírus: com mais de 60 anos e com doenças crônicas

– Para evitar aglomerações no BRT, a Guarda Municipal do Rio atua com 232 agentes e 31 veículos (sendo 18 motos) nos corredores do sistema, ampliando a fiscalização de oito para 67 estações nos ramais Transoeste, Transolímpica e Transcarioca. A operação acontecerá até a próxima sexta-feira (27) e faz parte das medidas preventivas adotadas pela Prefeitura do Rio para evitar a transmissão do novo coronavírus na cidade. A fiscalização visa assegurar o cumprimento da decisão da Secretaria Municipal de Transportes de reduzir em 50% da capacidade nos ônibus e coibir que passageiros sejam transportados em pé.

– Além do BRT, as equipes da Guarda Municipal atuam também em 22 pontos turísticos e de áreas de proteção ambiental interditados, além de 23 praças e áreas de lazer da cidade – incluindo as praias -, para coibir concentrações de pessoas. A Guarda Municipal ainda apoia diversas unidades de saúde do município, restaurantes populares e o futuro Hospital de Campanha, que será implantado no Riocentro.

– A Guarda Municipal iniciou nesta segunda-feira, dia 23 de março, operação especial em apoio à Secretaria Municipal de Saúde durante a campanha de vacinação contra a gripe. Ao todo, 116 agentes e 38 veículos são empregados desde a manhã desta segunda-feira, 23, no controle e no monitoramento do trânsito de 162 unidades saúde do município, sendo 72 na Zona Norte; 37 no Centro; e Zona Sul e 53 na Zona Oeste, além de cinco postos do Detran que funcionam com sistema “drive thru” para aplicação vacinas em idosos. O esquema operacional vai até o dia 3 de abril, podendo ser prorrogado de acordo com a necessidade da Secretaria Municipal de Saúde.

 

▶ TRABALHO E EMPREGO

– Novas medidas sobre feiras livres: voltam a ser semanais, para evitar aglomerações que poderiam existir se fossem quinzenais. Mas haverá um rodízio de funcionamento das barracas: as pares numa semana e a ímpares, em outra.

 

▶ FAZENDA

– Fiscais da Coordenadoria de Licenciamento e Fiscalização (CLF), vinculada à Secretaria Municipal de Fazenda, em ação conjunta com a Guarda Municipal da 5ª Inspetoria (Bangu) e da Secretaria Municipal de Ordem Pública (Seop), realizaram nesta terça-feira a fiscalização de comércios no calçadão de Bangu, na Zona Oeste. A ação foi realizada para coibir a abertura de lojas que estavam em desacordo com decreto da Prefeitura do Rio que determina o fechamento obrigatório do comércio da cidade a partir do primeiro minuto desta terça (decreto* Nº 47.285, de 23 de março de 2020). Fiscais da Secretaria Municipal de Fazenda foram acionados e as lojas flagradas foram fechadas, entre elas as Lojas Americanas, Magal, Giro e uma lotérica.

– De acordo com o decreto, alguns estabelecimentos podem funcionar, como farmácias, supermercados e hortifrutis (com recomendações para ampliar o serviço para 24 horas), padarias (com a recomendação de que se evitem aglomerações), pet shops, postos de gasolina (lojas de conveniência, porém, devem ficar fechadas), lojas de equipamentos médicos e ortopédicos, entre outros.

 

▶ VIGILÂNCIA SANITÁRIA

– Diante do avanço da pandemia do coronavírus (Covid-19) não só no Brasil como em outros países, a Subsecretaria de Vigilância, Fiscalização Sanitária e Controle de Zoonoses, órgão vinculado à Secretaria Municipal de Saúde do Rio de Janeiro, reuniu as principais medidas preventivas que devem ser praticadas pelas empresas de serviços funerários. Além da Lei Federal 8080/1990 que norteia as ações de saúde e é referência para legislações de todas as esferas, as orientações consideram os estudos que demonstram que o Covid-19 pode sobreviver em superfícies inanimadas (como metal, vidro e plástico) por horas e até dias. Mesmo com a necessidade de mais pesquisas e investigações para a melhor caracterização deste novo coronavírus, a Vigilância Sanitária reforça as orientações fundamentais para a redução de riscos à saúde não só dos profissionais que atuam neste importante segmento, como da população em geral.

1. Ao receber o corpo, verifique na documentação enviada pela unidade de saúde o motivo da causa mortis.

2. Todos os funcionários envolvidos na preparação e no acondicionamento dos corpos devem utilizar equipamentos de proteção individual (EPI) recomendados para as ações: avental impermeável, máscara (respirador facial N-95), protetor ocular (óculos de proteção), luvas impermeáveis, botas impermeáveis e gorro.

3. É fundamental que os profissionais envolvidos em todos os procedimentos relativos à preparação, acondicionamento e transporte dos corpos higienizem as mãos com frequência com água e sabonete líquido, esfregando bem os dedos, as unhas, as palmas, os dorsos e os punhos por, pelo menos, 20 segundos, completando com álcool 70% gel.

4. Para que os funcionários mantenham a rotina da higienização das mãos, os estabelecimentos devem manter lavatórios abastecidos com água corrente, dispensadores de sabonete líquido e de papel-toalha descartável não reciclado e depositado em saco plástico acondicionado em lixeira com tampa acionada por pedal, para evitar o contato com as mãos já limpas. Ao término dos preparativos de cada cadáver, o saco deve ser descartado em local apropriado para este tipo de resíduo e a lixeira desinfectada.

5. Os ambientes da preparação e do acondicionamento do corpo devem ser arejados e conter o mínimo de funcionários necessários à atividade.

6. Na preparação do corpo, evitar o uso de equipamentos ou práticas que produzam partículas em suspensão, como aerossóis e respingos de gotículas.

7. O tempo da manipulação e contato direto com o cadáver deve ser reduzido, a fim de minimizar os riscos de potencial contaminação. Para tanto, são contraindicadas as maquiagens, que aumentam o tempo de interação do profissional com o corpo.

8. Para impedir a liberação de secreções, os orifícios naturais do cadáver devem ser protegidos com compressas de algodão.

9. Por conta da facilidade de transmissão do novo Covid-19 – assim como as já conhecidas e as demais que, porventura, sejam descobertas – também não é recomendado o embalsamento e a indicação é, sempre que possível, optar pela cremação.

10. Se a opção for sepultar, depois da embalagem primária o corpo deve ser mantido em urna funerária lacrada (esquife fechado), dispondo apenas de visor, se o quadro permitir este recurso. A recomendação é que a urna permaneça fechada também durante a cerimônia, não devendo ser aberta para toques ou qualquer outro tipo de contato.

11. A identificação do corpo deve ser enviada para o destino final, contendo os dados remetidos pela unidade de saúde e o local dos despojos.

12. É recomendado que o tempo das cerimônias fúnebres seja reduzido, assim como o número de participantes nesses eventos, a serem realizados em locais arejados.

13. Todos os profissionais envolvidos no preparo, acondicionamento e transporte devem receber capacitação sobre biossegurança.

Transporte de Cadáveres Vítimas do Codiv-19

As recomendações para os serviços funerários estão baseadas também em duas normas da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA): a RDC 222/2018, que regulamenta as boas práticas de gerenciamento de resíduos do serviço de saúde, e a RDC 33/2011, que dispõe sobre o controle e fiscalização sanitária do traslado de restos mortais de seres humanos.

Processos de Higienização

1. É muito importante que esses estabelecimentos adotem uma rotina de higienização e organização do ambiente onde é feita a preparação do cadáver. A limpeza do local deve ser feita com saneantes apropriados para o serviço, usados também nas superfícies e objetos de contato que precisam ser lavados e higienizados após cada uso.

2. Após cada atividade, os instrumentos (fômites) utilizados na preparação e no acondicionamento do cadáver devem ser lavados em água corrente com sabão líquido, passando em seguida por desinfecção com produtos apropriados, feita por um profissional utilizando os EPIs adequados..

3. Para a desinfecção de instrumentos e superfícies, é recomendado o uso de produtos como o hipoclorito de sódio a 1%, álcool 70º ou outros de acordo com os indicados pelo Ministério da Saúde.

4. Os estabelecimentos que tiverem aparelhos de ar-condicionado devem manter limpos os componentes do sistema de climatização (bandejas, serpentinas, umidificadores, ventiladores e dutos) em prol da qualidade interna do ar, assim evitando a difusão ou multiplicação de agentes nocivos à saúde humana.

5. Os sacos que contenham os corpos devem ser devem ser desinfectados externamente e colocados nas urnas, fechadas em seguida para o transporte.

6. As luvas, máscaras e outros equipamentos de proteção individual devem ser descartados e identificados como resíduo contaminado, e encaminhados para a coleta feita por empresa específica para este serviço.

7. O manejo dos resíduos sólidos de saúde devem seguir as recomendações da RDC 222 da Anvisa, com a retirada feita por empresas credenciadas nos órgãos competentes.

Procedimentos de Transportes

1. Para o transporte propriamente dito, o corpo deve ser acondicionado primeiramente em invólucro (saco) impermeável devidamente lacrado.

2. O veículo de transporte de corpos deve ter compartimentos separados, sem qualquer comunicação entre eles.

3. Após cada transporte, o veículo deve ter suas superfícies desinfetadas, tanto no compartimento do condutor quanto no compartimento destinado ao corpo. o procedimento deve ser feito com hipoclorito de sódio a 1%, álcool 70º ou outro saneante apropriado, por profissional com os epis adequados: avental impermeável, máscara (respirador facial N-95), protetor ocular (óculos de proteção), luvas impermeáveis, botas impermeáveis e gorro..

4. O veículo deve ser higienizado também externamente, com água e sabão líquido e por meio de equipamento próprio.

5. O veículo de transporte de corpos não deve ser utilizado para outros fins. Ele deve ficar parqueado em local próprio e reservado para esta finalidade, junto aos demais veículos que tenham a mesma função, em área sob responsabilidade da empresa prestadora deste serviço.

6. No compartimento destinado ao corpo, o veículo de transporte deve ser revestido por material de superfície lisa e impermeável, que permita a sua limpeza e desinfecção com os produtos adequados. Este compartimento não deve abrigar qualquer material ou equipamento, a não ser o corpo em seu devido invólucro.

7. Devido ao fator de risco à saúde coletiva, não é recomendada a realização de traslados, sejam intermunicipais, interestaduais ou internacionais.

8. Caso o veículo que transporta o corpo apresente no trajeto situações de falha mecânica, colisão ou outro problema, o motorista deve sinalizar imediatamente à empresa, que tem a responsabilidade de comunicar o fato às autoridades sanitárias e policiais e enviar novo veículo em condições de seguir com o cadáver até o destino.

9. No caso de acidente, importante observar a integridade do esquife. Se tiver ruptura ou comprometimento da urna ou do saco envoltório, o local deve ser imediatamente isolado, com as autoridades sanitária e policial imediatamente comunicadas.

 

INFORMES TÉCNICOS

A Vigilância Sanitária segue produzindo os informes técnicos para os segmentos e a população em geral, contendo as principais medidas preventivas aos riscos à saúde. Entre os elaborados nesta terça-feira, 24, está um específico para os serviços de delivery, com recomendações tanto para quem recebe a mercadoria em casa como para os entregadores. Evitar tocar no cartão e na máquina na hora do pagamento, não permitir que o produto seja deixado no chão por conta da contaminação, lavar bem as mãos antes e depois de cada operação e não usar máscaras e nem luvas que aumentam o risco de contaminação para quem utiliza são algumas das orientações que podem ser conferidas em https://bit.ly/2WHSajA.

INSPEÇÕES SANITÁRIAS

Continuam mantidos os serviços essenciais, como as inspeções em atendimento a demandas registradas na Central 1746, com foco em denúncias referentes ao coronavírus. Os técnicos atuam reforçando as orientações, mas se identificarem em funcionamento bares, restaurantes e demais comércios impedidos de abrir pelo Decreto RIO 47.246, farão a notificação formal da irregularidade. Caso a medida não seja cumprida, os estabelecimentos estarão passíveis a sanções administrativas, incluindo a interdição, a serem adotadas pela Coordenadoria de Licenciamento e Fiscalização (CLF) da Secretaria Municipal de Fazenda.

EVENTOS

Continua suspensa a emissão de licenças sanitárias para eventos. Dúvidas sobre o licenciamento podem ser tiradas pelo e-mail duvidasvisa.licenciamento@gmail.com ou na Superintendência de Educação (Rua Maria Eugênia, 148, Humaitá), de segunda a sexta-feira, das 11h às 15h,

ATENDIMENTO AO PÚBLICO

– A Vigilância mantém o atendimento presencial ao público, nas unidades do Complexo Zona Sul (Avenida Pasteur, 44, Botafogo), Centro (Rua do Lavradio, 180, Lapa) e Superintendência de Educação (Rua Maria Eugênia, 148, Humaitá). Mas o horário é das 11h às 15h, e com distribuição de 20 senhas por dia. Para orientar e tirar dúvidas da população, foi criado um e-mail para cada área de atuação:Coordenação de Alimentos: duvidasvisa.alimentos@gmail.comCoordenação de Ambientes Coletivos: duvidasvisa.ambientescoletivos@gmail.comCoordenação de Engenharia: duvidasvisa.engenhariasanitaria@gmail.comCoordenação de Eventos: duvidasvisa.licenciamento@gmail.comCoordenação de Saúde: duvidasvisa.saude@gmail.comCoordenação de Zoonoses: duvidasvisa.zoonoses@gmail.com

SERVIÇOS DE ZOONOSES

– Houve redução de serviços e as cirurgias de castração e as demais eletivas foram suspensas nas duas unidades de zoonoses: o Instituto Municipal de Medicina Veterinária Jorge Vaitsman (o IJV em São Cristóvão) e o Centro de Controle de Zoonoses Paulo Dacorso Filho (o CCZ, em Santa Cruz). – O número de senhas para o agendamento de castrações e remarcações dessas cirurgias foi reduzido de 90 para 20 por dia, com marcações de datas a partir de 20 de maio. – A clínica médica adotou o sistema de triagem para atender apenas os casos de risco de morte do animal que exijam cirurgia. – Os atendimentos a animais agressores e investigações caninas para leishmaniose são avaliados caso a caso. – Para conter o excesso de público nas duas unidades de zoonoses, a entrada foi restringida a maiores de 12 anos e a oferta de serviços foi reduzida para um animal por pessoa, incluindo tutores, com a recomendação de, preferencialmente, não serem idosos. – O tratamento da esporotricose (zoonose transmitida ao homem por animais, principalmente, gatos) segue normal nas duas unidades. – A remoção de animais de grande e médio porte em vias públicas e de carcaças de morcegos, macacos e micos continua normal.

 

▶ RIOTUR

– Os postos de informações turísticas da Riotur estão fechados temporariamente, devido aos protocolos de prevenção das autoridades ao novo Coronavírus amplamente divulgados, A medida visa evitar o contato entre os atendentes e o público em função do alto contágio do vírus. Em caso novas mudanças, divulgaremos em nossas redes sociais.

▶SECRETARIA DA PESSOA COM DEFICIÊNCIA E TECNOLOGIA

– Disponibilizou a partir desta terça-feira vídeos informativos em libras para pessoas surdas ou com deficiência auditiva que estão com dificuldades para obter informações.

– Buscando manter as medidas de prevenção e garantir a acessibilidade para todos, a Central Carioca de Intérprete de Libras da SMDT não está aberta para atendimento ao público, mas mantém o serviço através do whatsapp (21- 98909-1373), possibilitando que os usuários esclareçam dúvidas e agendem atendimentos. O número do whatsapp e os vídeos informativos estarão disponíveis nas redes da secretaria.Essa é uma medida para ajudar às pessoas com deficiência, possibilitando que todos tenham acesso à informação e seus direitos garantidos.

 

▶ RIO-ÁGUAS

– Estão suspensos os atendimentos ao público, presenciais.
As solicitações seguem sendo realizadas pelos seguintes e-mails:

Diretoria de Análise e Fiscalização – rioaguas.dan@gmail.com;

Diretoria de Obras e Conservação – doc.rioaguas@gmail.com;

Diretoria de Administração e Finanças – daf.rioaguas@gmail.com;

Diretoria de Saneamento – rioaguasdis@gmail.com;

Diretoria de Estudos e Projetos – dep.rioaguas@gmail.com.

– No momento, o atendimento do protocolo da Rio-Águas é feito pela diretoria responsável pela demanda.

 

▶ PGM

– Está suspenso o 39º Exame para Processo Seletivo de Estágio Forense da Procuradoria Geral do Município (PGM) do Rio de Janeiro. A medida atende às diretrizes dos protocolos médicos de combate à Covid-19 e prioriza o bem estar geral. A PGM segue empenhada na realização da seleção e manterá os candidatos informados da retomada do processo tão logo isso seja possível.

▶ PROCON CARIOCA

– Fiscaliza farmácias, lojas de produtos médicos e supermercados para investigar denúncias de preços abusivos por conta do coronavírus