Ano letivo na rede municipal do Rio começa com 55 mil novos alunos

Publicado em 07/02/2020 - 14:57 | Atualizado em 07/02/2020 - 15:10
Ao todo, 650 mil estudantes receberão kits com materiais escolares e uniformes. Foto: Renne Rocha/ Prefeitura do Rio

O ano letivo de 2020 na Rede Municipal de Ensino do Rio de Janeiro, a maior da América Latina, começou com 55 mil novas matrículas. Ao todo, nas 1.540 escolas da Prefeitura, são 650 mil alunos em segmentos que passam por Creche, Pré-escola, Ensino Fundamental, Classe Especial e Educação de Jovens e Adultos.

Para marcar o início do período escolar, o prefeito Marcelo Crivella e a secretária municipal de Educação, Talma Suane, estarão segunda-feira (10/02) no Espaço de Desenvolvimento Infantil Ana de Barros Câmara, em Coelho Neto, para a aula inaugural com educadores e servidores municipais.

 

Alunos receberão novos uniformes e tênis. Foto: Renee Rocha/ Prefeitura do Rio

Crivella usa tênis do kit escolar

Uma das novidades da rede de ensino de 2020 é em relação aos uniformes que, pelo cronograma, serão distribuídos até o início de março. Pela primeira vez, a Prefeitura dará a cada estudante um par de tênis. E cada criança receberá três camisas, sendo que o custo da licitação foi 34,82% abaixo da anterior, realizada na gestão passada, em 2014.

“As camisas do novo uniforme têm um desenho mais moderno, aprovado pelo Conselho dos Alunos, e cada uma custará R$ 7,28. Vejam vocês que, seis anos atrás, cada uma delas saiu por R$ 8,10. Se comprássemos hoje as camisas pelo modelo da licitação passada pagaríamos R$ 10,92 a unidade. Mas, na nossa gestão tudo é feito com sacrifício, com austeridade e ordem. Assim conseguimos o progresso”, afirmou Crivella.

A troca do uniforme será feita de forma gradual devido à grande quantidade de alunos. Os que têm a camisa antiga, que também foi distribuída, poderão usá-las.

 

O kit escolar foi adquirido pela Prefeitura por bom preço e boa qualidade. Foto: Renee Rocha/ Prefeitura do Rio

Livro em vez de apostilas

“Estamos prontos para receber as crianças e os pais em mais um ano letivo. Elas são o futuro, merecem estrutura e ensino de qualidade. Este ano, além do uniforme, há mais novidades, como o material didático. Nossa responsabilidade é enorme e superamos todos os desafios com dedicação e amor ao ofício de educar quem construirá o futuro de nossa cidade”, disse a secretária Talma Suane.

O novo Material Didático Carioca, desenvolvido pelos próprios educadores do município, vai ser entregue em forma de livros, substituindo as antigas apostilas. O título de Rio 2020 – Capital Mundial da Arquitetura, concedido pela Unesco, será explorado nesse material para que os estudantes conheçam e valorizem os bairros e territórios da cidade, por meio de suas paisagens e arquitetura. Os livros, em vez de apostilas, contemplam classes do 1º ao 9º ano.

Confira o material distribuído

Os alunos matriculados na pré-escola, Ensino Fundamental e Ensino de Jovens e Adultos (EJA) recebem materiais como apontador, borracha, caderno de desenho, caneta hidrográfica, cola branca, giz de cera, lápis de cor, lápis grafite, massa para modelar, pincel, tesoura sem ponta, tinta guache, régua e transferidor 180º.

Mais 27 creches conveniadas somam 188 unidades

E as novidades não param na rede municipal de ensino. Com o maior número de matrículas, a Prefeitura acrescentou 27 unidades parceiras no segmento creche, aumentando para 188 o número de instituições conveniadas.

Novo período para mais matrículas

Um novo período de matrículas foi aberto no último dia 4 e vai até o dia 16 de fevereiro. Os pais que querem matricular seus filhos, podem fazê-lo no link http://matricula.rio/.  Essas novas matrículas foram em função da disponibilidade de vagas que não tiveram a confirmação por parte de pais e responsáveis.