Secretaria Municipal de Saúde do Rio monta novos postos de vacinação contra o sarampo nesta terça (18)

Publicado em 18/02/2020 - 12:34 | Atualizado em 18/02/2020 - 12:34
  • Início/
  • /
  • Secretaria Municipal de Saúde do Rio monta novos postos de vacinação contra o sarampo nesta terça (18)
vacinação contra o sarampoMotoristas de táxi e aplicativo serão vacinados; metrô Maracanã também oferece a vacina. Foto: Mariana Ramos / Prefeitura do Rio

A campanha de vacinação contra o sarampo na cidade do Rio de Janeiro está com novos postos volantes nesta terça-feira, 18 de fevereiro. A Secretaria Municipal de Saúde está vacinando a população na estação do metrô Maracanã, das 9h às 14h, e no Gabinete Itinerante, onde a Prefeitura realiza as ações ‘Prefeitura Mais Perto de Você’ e ‘Cuidar da Cidade’, no Ciep Margaret Mee, na rua Ministro Aliomar Baleeiro, no Recreio, de 9h às 14h.

A SMS também está com ações de vacinação focadas nos motoristas profissionais. Há postos montados no Espaço Táxi.Rio, na sede da Prefeitura, na Cidade Nova, de hoje até quinta, dia 20, com funcionamento de 9h às 13h No Aeroporto Internacional Tom Jobim (Galeão), um posto vai oferecer a vacina aos parceiros do Uber, na área de espera exclusiva do aplicativo, no estacionamento E5, das 9h às 11h30 e das 13h às 16h. Quem tem até 59 anos deve comparecer ao posto. Não é obrigatório levar a caderneta de vacinação.

A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) já vacinou mais de 310 mil pessoas na cidade do Rio em 2020. A vacina contra a doença tem sido oferecida em cerca de 50 postos extras por semana, montados em estações de metrô, supermercados, rodoviárias, escolas, universidades, hospitais públicos e privados, hotéis, cooperativas de táxis, entre outros. Todas as 233 unidades da Atenção Primária (clínicas da família e centros municipais de saúde) também oferecem a vacina diariamente. Além disso, ações especiais têm sido realizadas junto a trabalhadores de categorias profissionais que atuam direto com turistas, como taxistas e motoristas de aplicativos, trabalhadores do setor hoteleiro, profissionais de saúde das redes pública e privada, e agentes públicos que atuam em áreas de grande circulação de pessoas.

A estratégia de intensificação contra o sarampo tem como objetivo ampliar a barreira de proteção contra a doença, especialmente no momento em que o reaparecimento de casos volta a preocupar o país e o mundo, e em que a cidade se prepara para receber dois milhões de turistas para o carnaval..

 

Quem deve ser vacinado?

A recomendação é que todas as pessoas até 59 anos compareçam a um posto de vacinação para verificar se já tomaram as doses necessárias contra o sarampo. É importante ainda que os pais não deixem de vacinar as crianças a partir de seis meses. Para tanto, solicita-se levar a caderneta de vacinação para conferência. Mas aqueles que não têm ou perderam a caderneta também devem comparecer aos postos. Após a avaliação do profissional de saúde, quem ainda não tomou as doses necessárias à proteção ou não sabe se já tomou será vacinado.

 

Fique por dentro de tudo o que acontece na Secretaria Municipal de Saúde do Rio e nos siga nas redes sociais!

   

  • 18 de fevereiro de 2020