Secretaria Municipal de Saúde atualiza número de leitos para Covid-19 e taxa de ocupação na rede SUS da capital

Publicado em 08/12/2020 - 18:36 | Atualizado
  • Início/
  • /
  • Secretaria Municipal de Saúde atualiza número de leitos para Covid-19 e taxa de ocupação na rede SUS da capital
Rede municipal possui 923 leitos para Covid-19. Foto: Marcos de Paula / Prefeitura do Rio

 

A Prefeitura do Rio está atenta ao atual momento da pandemia e trabalhando para aumentar a oferta de leitos dedicados à Covid-19.

 

A Prefeitura vai abrir mais 220 leitos dedicados ao tratamento da doença, que serão distribuídos entre os Hospitais Municipais de Campanha, no Riocentro, e o Ronaldo Gazolla. A rede municipal de Saúde já contará com novos leitos a partir da próxima semana.

 

O Hospital de Campanha da Prefeitura abrirá 170 leitos de enfermaria nos próximos quinze dias. Outros 50 leitos de UTI serão abertos em até três semanas – ao ritmo de 20 por semana – assim distribuídos: 30 no Hospital Municipal Ronaldo Gazolla e 20 no Hospital de Campanha.

 

Desde 19 de novembro, a Prefeitura abriu 37 novos leitos de UTI Covid-19. Atualmente, a rede municipal conta com 918 leitos Covid, 288 deles de UTI.

 

SEGUE BOLETIM:

 

 

A Prefeitura do Rio, por meio da Secretaria Municipal de Saúde, informa que a rede municipal possui 918 leitos para Covid-19. Deste total, 288 são leitos de UTI.

A taxa de ocupação de leitos de UTI para Covid-19 na rede SUS – que inclui leitos de unidades municipais, estaduais e federais – no município é de 91%. Já a taxa de ocupação nos leitos de enfermaria é de 87%.

 

Hospitalizações

Nas unidades da rede municipal, há 687 pacientes internados, sendo 280 em UTI.

A rede SUS na capital tem 1428 pessoas internadas em leitos especializados, sendo 576 em UTI.

No momento (e isso é dinâmico) 420 pessoas aguardam transferência para leitos na capital e na Baixada Fluminense, sendo 193 para leitos de UTI Covid. IMPORTANTE DESTACAR que as pessoas que aguardam leitos de UTI estão sendo assistidas em leitos de unidades, com monitores e respiradores.

  • 8 de dezembro de 2020