Jogadores de futebol americano visitam o Hospital Loreto

Publicado em 27/06/2019 - 18:07 | Atualizado
  • Início/
  • /
  • Jogadores de futebol americano visitam o Hospital Loreto
Visita no Hospital Municipal Nossa Senhora do LoretoEles conheceram o tratamento de pacientes com fissura labiopalatina e o Coral Smile Train. Foto: Mariana Ramos / Prefeitura Rio

O Hospital Municipal Nossa Senhora do Loreto (HMNSLoreto) recebeu nesta quinta-feira, 27 de junho, uma visita internacional. Os jogadores de futebol americano Kenyan Drake e Durval Queiroz, do Miami Dolphins, foram à unidade conhecer o tratamento para crianças com fissuras labiopalatinas oferecido na unidade, integralmente pelo SUS. Drake é apoiador e ajuda a arrecadar fundos nos Estados Unidos para a ONG internacional Smile Train, parceira do Loreto e patrocinadora do coral formado pelos pacientes da unidade, que têm no canto uma forma de desenvolvimento da fala.

Localizado na Ilha do Governador, o Hospital Loreto destaca-se no Rio de Janeiro como o único centro de referência credenciado pelo Ministério da Saúde no estado para o tratamento multidisciplinar das fissuras labiopalatinas. No Centro de Tratamento de Fissuras Labiopalatais (CEFIL) da unidade, a criança recebe assistência integral desde que sai da maternidade até o final da adolescência, com tratamento de ortodontia, fonoaudiologia, psicologia, cirurgia plástica, entre outras especialidades. O CEFIL-HMNSLoreto atende não só moradores do Rio, mas de municípios e estados vizinhos.

O Coral Smile Train é formado por pacientes nascidos com fissura de palato, que, devido a malformação, apresentam dificuldades na fala, como a voz nasalada. Selecionados entre crianças e adolescentes assíduos no tratamento fonoaudiológico, além de suas mães, os participantes usam a música para desenvolver a fala e também para contornar barreiras como a timidez e a baixa autoestima. Junto à ONG Saúde Criança Ilha, a Smile Train é importante parceira do CEFIL-HMNSLoreto, ajudando no apoio socioeconômico às famílias dos pacientes e na manutenção do coral, que se apresenta ao longo do ano em diversos locais da cidade, conforme convites.

 

Visita no Hospital Municipal Nossa Senhora do Loreto
O Coral Smile Train é formado por pacientes nascidos com fissura de palato. Foto: Mariana Ramos / Prefeitura Rio

“Me diverti muito aqui no Loreto, conheci várias crianças hoje. Vimos várias oportunidades para elas virem aqui, terem o contato desde recém-nascidas até quando forem mais velhas. E aprendem a lidar com a autoestima e as dificuldades de ter lábio leporino. O coral os ajuda a desenvolver a fala. Gostei muito, fui muito bem recebido, com muito carinho por toda equipe do hospital e do Smiles Train aqui no Rio, estou aproveitando cada momento aqui e é uma oportunidade boa para mim, vir até aqui chamar mais a atenção para a causa”, contou Drake, que está indo para sua quarta temporada no Dolphins, como running back (atacante).

Na visita ao Brasil e ao Loreto – onde assistiu a uma apresentação do Coral Smile Train, conheceu o ambulatório do CEFIL, as instalações e projetos do Saúde Criança Ilha, tirou fotos e brincou com as crianças na brinquedoteca do hospital – Drake teve a companhia do colega brasileiro de time Durval Queiroz, o Duvão, Nascido no estado do Mato Grosso, o defensive tackle (defesa) foi contratado no início do ano pelo Dolphins e não perdeu a chance de voltar ao Brasil durante a pré-temporada para conhecer a causa defendida pelo amigo de time. E se emocionou ao ver os meninos e meninas cantarem com suas mães.

“Valorizem muito sua infância, suas famílias e seus amigos. Continuem assim”, disse o jogador brasileiro de futebol americano, entre lágrimas e recebendo um caloroso abraço da garotada.

 

Fique por dentro de tudo o que acontece na Secretaria Municipal de Saúde do Rio e nos siga nas redes sociais!

   

  • 27 de junho de 2019