Comunicado importante

Publicado em 02/07/2019 - 18:09 | Atualizado em 02/07/2019 - 18:22
Comunicado importante

A Superintendência de Saúde Mental, da Secretaria Municipal de Saúde, lamenta e repudia os boatos preconceituosos que circulam em redes sociais, associando pacientes psiquiátricos a maus tratos a animais.

No terreno do complexo do instituto acusado, que no passado foi uma antiga fazenda, vivem livres cerca de 200 gatos. Duas protetoras voluntárias e independentes atuam regularmente no local, cuidando e alimentando os animais. Elas têm acesso à direção da unidade e nunca apresentaram qualquer queixa de animais maltratados por pacientes, seja os internados ou os que residem com suas famílias e frequentam o local para receber assistência.

Os boatos agora espalhados repetem preconceito e ignorância comuns até o início do século passado, em que pacientes psiquiátricos eram vistos como perigosos e capazes de atos absurdos, o que definitivamente não corresponde com a realidade.

Pessoas com problemas de saúde mental podem conviver em sociedade, recebendo os devidos cuidados de saúde e sem representar perigo a outras pessoas ou a animais.

  • 2 de julho de 2019