Prefeitura inclui edifício do antigo Colégio Padre Antônio Vieira na APAC do Humaitá

Publicado em 22/05/2023 - 14:13 | Atualizado em 22/05/2023 - 14:23
O colégio Padre Antônio Vieira agora faz parte da APAC do Humaitá - Prefeitura do Rio

A Prefeitura do Rio publicou, na terça-feira (16/5), no Diário Oficial, decreto que declara a preservação do edifício do antigo Colégio Padre Antônio Vieira, situado à Rua Humaitá, 52, no bairro da Zona Sul. O decreto, assinado pelo prefeito Eduardo Paes, incluiu o imóvel como um bem preservado da Área de Proteção do Ambiente Cultural (APAC) do Humaitá. Um bem é indicado para preservação quando pertence a um conjunto arquitetônico cujas características representem a identidade cultural de um bairro.

– Este é mais um exemplo de renovação e preservação da cidade, que permite a convivência harmônica entre antigas e novas edificações – afirma o secretário de Planejamento Urbano, Augusto Ivan.

Neste caso, a preservação garante que sejam mantidas fachadas, telhados e volumetria do edifício. Modificações internas são permitidas, desde que se integrem aos elementos arquitetônicos preservados.

– Localizado no interior do terreno do antigo colégio, o imóvel estava ocultado pela construção existente junto à testada do lote, ou seja, junto à rua. Em vistoria, foi detectado o valor arquitetônico da edificação, construída entre o final do século XIX e o começo do século XX e, portanto, o interesse de sua inclusão na APAC existente – explica a presidente do IRPH, Laura Di Blasi.

Com a medida, quaisquer intervenções físicas a serem realizadas no local deverão ser previamente orientadas e aprovadas pelo Instituto Rio Patrimônio da Humanidade (IRPH).

  • 22 de maio de 2023
  • Skip to content