Agentes do programa BRT Seguro efetuam cinco prisões após ocorrências em estações da Zona Oeste

Publicado em 05/02/2022 - 17:28 | Atualizado em 05/02/2022 - 17:28

Equipes do Programa BRT Seguro, coordenado pela Secretaria de Ordem Pública (SEOP), efetuaram cinco prisões após ocorrências registradas entre quinta-feira (03/02) e sexta-feira (04/02) em estações localizadas na Barra da Tijuca, Jacarepaguá e Santa Cruz, na Zona Oeste do Rio.

Na tarde de sexta-feira (04/02), três homens (de 30, 31 e 34 anos) que furtaram diversas peças de aço inox usadas como guarda-corpo do terminal Centro Olímpico, em Jacarepaguá, foram detidos pela equipe que realizava patrulhamento na estação Morro do Outeiro, por volta das 15h. Aos policiais, os homens disseram que venderiam o material em um ferro-velho. Todos foram conduzidos para a 32ª DP (Taquara), onde o caso foi registrado como furto.

Ainda na sexta-feira (04/02), por volta das 11h, um homem de 30 anos foi detido na estação Curral Falso, em Santa Cruz, após se recusar a pagar a passagem. Ele foi visto pelos agentes pulando a catraca e, após ser advertido, não respeitou a ordem e embarcou no ônibus que estava parado na estação. Os policiais pediram para o motorista parar o coletivo e o homem foi detido e conduzido para a 36ª DP (Santa Cruz), onde a ocorrência foi registrada.

 

– O programa BRT Seguro tem fundamental importância para o melhor funcionamento do modal, tanto para a segurança dos passageiros quanto para a prevenção aos furtos, à depredação e à evasão. As prisões são uma resposta clara da Prefeitura do Rio de que essas ilegalidades não serão toleradas – destacou o secretário de Ordem Pública Brenno Carnevale.

 

Na noite de quinta-feira (03/02), um homem de 29 anos foi preso após ser flagrado pela equipe do programa furtando uma peça do perfil da porta da estação Pedra de Itaúna, na Barra da Tijuca. A ação aconteceu por volta das 21h30 durante uma ronda de patrulhamento na calha do corredor Transoeste. Detido, o homem foi levado para a 16ª DP (Barra da Tijuca), onde o caso foi registrado.

Criado para reforçar o patrulhamento nas estações, o Programa BRT Seguro realiza ações diárias para coibir a criminalidade, a evasão de passagens (calotes), o vandalismo e a ocupação desordenada das paradas do transporte, e conta com atuação integrada da Polícia Militar e da Guarda Municipal. As ações acontecem por meio de patrulhamento fixo nas estações e também por meio de rondas que acontecem 24h nas calhas dos três corredores para combater todo tipo de delitos e irregularidades.

  • 5 de fevereiro de 2022