Ação da Prefeitura para coibir a circulação irregular na pista exclusiva do BRT remove 13 veículos em Guaratiba

Publicado em 26/11/2021 - 15:53 | Atualizado
Veículos são removidos por circulação irregular na pista exclusiva do BRT no Corredor Transoeste - Divulgação

A Prefeitura do Rio, por meio da Secretaria de Ordem Pública (SEOP), removeu 13 veículos na manhã desta sexta-feira (26/11) em ação para coibir a circulação irregular de carros e motos na pista exclusiva do Corredor Transoeste do BRT, altura da estação Mato Alto, em Guaratiba, na Zona Oeste. Além de atrapalhar a circulação dos ônibus na pista exclusiva do transporte, essa infração pode causar graves acidentes.

Ao todo, três operações já foram realizadas desde o dia 19 de novembro para coibir essa irregularidade na Avenida Dom João VI, entre as estações Mato Alto e Pingo D’Água, e na Avenida Cesário de Melo, em Campo Grande, para atender denúncias da população, resultando na remoção de 25 veículos. A ação contou com agentes da Gerência de Fiscalização de Estacionamentos e Reboques (GFER) e de guardas municipais e policiais militares do programa BRT Seguro.

Transitar com o veículo na faixa ou via de trânsito exclusivo, regulamentada com circulação destinada aos veículos de transporte público coletivo de passageiros, é uma infração prevista no artigo 184, inciso III, do Código de Trânsito Brasileiro (CTB). É considerada grave, tem pena de multa de R$ 293,47, perda de sete pontos na Carteira Nacional de Habilitação, além da apreensão e remoção do veículo.

  • 26 de novembro de 2021