Prefeitura vai retomar as obras de recuperação do Túnel Noel Rosa

Publicado em 26/03/2022 - 09:43 | Atualizado
As obras serão realizadas nas duas galerias do Túnel Noel Rosa - Alexandre Farah/Prefeitura do Rio

As obras de recuperação do Túnel Noel Rosa, que liga os bairros da Grande Tijuca à Zona Norte da cidade, serão retomadas no dia 4 de abril pela Secretaria Municipal de Infraestrutura. Os trabalhos nas duas galerias são aguardados com expectativa por quem passa pelo túnel diariamente.

Após inspeção e avaliação do estado das estruturas de concreto, ficou constatada a necessidade de intervenções no local, desgastado pela poluição, infiltrações e pelo tempo de uso sem reformas recentes. Essas infiltrações serão tratadas com reparos e melhorias no sistema de drenagem, além da limpeza e desobstrução das canaletas d’água. A obra inclui revestimento de placas de cimento de 12mm nas paredes e a recuperação das juntas de dilatação e do pavimento do túnel. O Noel Rosa ainda vai ganhar novas sinalizações de trânsito e serviços de pintura e limpeza geral.

Inaugurado em 1975, o túnel de 720 metros de extensão é uma das vias de escoamento de trânsito mais importantes da cidade, e recebe, diariamente, mais de 30 mil veículos. A obra foi paralisada no final de 2016 e vai custar pouco mais de R$ 21 milhões, com duração prevista de 12 meses.

– O Noel Rosa é um túnel super importante que divide duas grandes regiões da cidade, a Grande Tijuca e a Zona Norte. A nova iluminação já deu sensação de segurança e, em breve, as pessoas vão poder transitar com o túnel totalmente reformado – explica Jorge Arraes, secretário Municipal de Infraestrutura.

Iluminação modernizada

O túnel Noel Rosa é o sétimo túnel a ter a iluminação 100% em LED. Os trabalhos tem previsão de término na primeira quinzena de abril. O Noel Rosa sofria com constantes furtos de cabos, deixando o local vulnerável para quem transitava, por estar sempre escuro. O túnel  ganhou 863 luminárias de LED e recebeu medidas estratégicas antifurto, como blindagem da rede de eletricidade e instalação de projetores no meio da pista para dificultar ações de vandalismo.

– A modernização dos túneis Rebouças e Santa Bárbara são a prova do sucesso do programa. Os túneis, em particular, são um bom exemplo para exibir a nova e potente iluminação em LED. Além da melhora no visual, é uma questão de segurança pública também, já que um local mais bem iluminado contribui na inibição de delitos – afirma Pierre Batista, presidente da Rioluz.

Além da substituição das lâmpadas de vapor de sódio pelas luminárias de LED, que são mais eficientes e econômicas, estão contemplados pela Parceria Público-Privada (PPP) do Luz Maravilha todos os serviços de iluminação e manutenção dos pontos de luz da cidade e a substituição dos postes de aço por novos de fibra, mais duráveis e resistentes a descargas elétricas. No total, serão 34.500 novos postes espalhados por praças, ciclovias e parques.

O prazo para a entrega de 450 mil pontos de luminárias LED , por meio do programa Luz Maravilha, é até o final de 2022.

  • 26 de março de 2022