Luz Maravilha ultrapassa metade da meta com mais de 225 mil pontos de LED instalados na cidade

Publicado em 23/02/2022 - 07:00 | Atualizado em 22/02/2022 - 15:34
Orla do Rio iluminada em LED - Fabio Motta / Prefeitura do Rio

O programa Luz Maravilha acaba de atingir duas importantes etapas de seu cronograma de ações: além de entregar o Túnel Santa Bárbara 100% modernizado, superou a marca de 225 mil pontos instalados com lâmpadas de LED em toda a cidade. Com esse número, ultrapassa a metade da meta inicial estabelecida pela Parceria Público-Privada (PPP) da prefeitura do Rio, que prevê a troca de todo o parque de iluminação pública, com a substituição de 450 mil luminárias no município.

O Luz Maravilha já atingiu todas as regiões do Rio de Janeiro simultaneamente. O Túnel Santa Bárbara, importante via de ligação entre os bairros do Catumbi e de Laranjeiras, é uma das entregas mais recentes do programa. Foram modernizadas as galerias nos dois sentidos, com a substituição de 862 luminárias por lâmpadas em LED.

O Túnel Noel Rosa também está recebendo a nova tecnologia e ficará  pronto em março. A substituição já ocorreu em outras vias de grande fluxo, como os túneis Rebouças, Zuzu Angel e Rafael Mascarenhas, além da Linha Vermelha e das avenidas Presidente Vargas, no Centro, e Menezes Cortes, conhecida como Autoestrada Grajaú-Jacarepaguá. Também estão 100% em  LED as orlas de Copacabana e da Praia Vermelha.

A primeira localidade entregue, em setembro de 2021, foi o Complexo do Alemão, na Zona da Leopoldina, com a modernização de 5.283 pontos de luz em 15 comunidades da região. Mais de 60 mil moradores foram beneficiados, segundo estimativas do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Cidade inteligente

O contrato da PPP inclui a criação do Smart Rio, sistema de tecnologia que abrangerá serviços de telegestão e cidade inteligente, e a expansão do Centro de Operações e Resiliência (COR), espaço que será modernizado para melhor atender a população. Dentro dos serviços de telegestão estão a instalação de 10.002 câmeras de monitoramento, a implantação de 5.001 pontos de acesso wi-fi, 4 mil sensores de retenção e gestão de resíduos e 6 mil sensores semafóricos, que contribuirão para melhorar a segurança pública e a mobilidade urbana na cidade.

Além da substituição das luminárias de vapor de sódio, estão contemplados pela PPP todos os serviços de iluminação e manutenção dos pontos de luz da cidade. A entrega será feita até o final de 2022, mas a PPP irá durar 20 anos e prevê o suporte à manutenção e à operação de todos os equipamentos.

Dentro da parceria haverá também a substituição dos postes de aço por novos de fibra, mais duráveis e resistentes a descargas elétricas. Ao todo, serão 34.500 espalhados por praças, ciclovias e parques. Além disso, estão cobertos os custos de manutenção das luminárias, assim como 161 projetos de iluminação especial em pontos turísticos, praças e parques urbanos.

Veja imagens da iluminação em LED nas ruas do Rio. Crédito: Fabio Motta

 

 

 

 

 

 

  • 23 de fevereiro de 2022
  • Skip to content