Guardas municipais prendem dois homens acusados de estelionato no camelódromo da Uruguaiana

Publicado em 16/12/2020 - 12:30 | Atualizado
Caso foi registrado na 4ª DP como estelionato Foto Divulgação / Guarda Municipal

Guardas municipais do Grupamento de Operações Especiais (GOE) prenderam na terça-feira, dia 15, dois ambulantes acusados de aplicar golpe em clientes que compravam celular pelas redes sociais e retiravam o produto em um dos quiosques do camelódromo da Uruguaiana, no Centro.

Os agentes realizavam o patrulhamento e ordenamento urbano na região, quando foram acionados por um cidadão que se apresentou como parente de vítima de golpe em um quiosque de venda de celular.

O cunhado da vítima informou aos guardas que ela fez a encomenda do aparelho por meio das redes sociais e combinou o ponto da entrega do produto no camelódromo, no sábado, dia 12. Ao realizar o pagamento e receber o produto do suposto vendedor, a vítima verificou em casa que o aparelho entregue era de outro modelo e não funcionava.

O parente da vítima retornou ao camelódromo e acionou os guardas municipais que estavam patrulhando a região, informando sobre o golpe sofrido pela sua cunhada. Os agentes, então, conduziram os supostos vendedores para a 4ª DP (Centro), onde o caso foi registrado como estelionato.

  • 16 de dezembro de 2020