Prefeitura realiza a primeira reunião do Conselho da Cidade

Publicado em 06/05/2021 - 14:30 | Atualizado em 06/05/2021 - 14:51
O prefeito desafiou os conselheiros a pensarem grande - Beth Santos/Prefeitura do Rio

O prefeito do Rio, Eduardo Paes, e o secretário municipal de Fazenda e Planejamento, Pedro Paulo, participaram, nesta quinta-feira (06/05), da primeira reunião do Conselho da Cidade. Formado por um grupo de cidadãos que irão contribuir com expertise pessoal e conhecimento profissional para a construção do planejamento estratégico dos próximos quatro anos, discutir estratégias para a retomada e para o futuro da cidade. A população também foi convidada a participar, incluindo crianças e adolescentes de 8 a 18 anos, por meio de uma enquete online na plataforma participa.rio/retomada.

Paes se mostrou empolgado com o trabalho do Conselho. Disse que o Rio é uma cidade desejada pelo mundo todo e espera, como governante, recuperar a pujança e o protagonismo do município.

– Quero desafiar as pessoas do Conselho da Cidade para que a gente possa ter metas ousadas. Esse time que vai ajudar a construir propostas tem que pensar grande, tem que pensar nessa cidade no tamanho que ela tem. Dá para fazer a virada, dá para voltar a ser um Rio de Janeiro melhor.  Aqui tem um governo que pensa grande – afirmou o prefeito, na abertura da reunião, realizada no Palácio da Cidade, em Botafogo.

As reuniões do Conselho da Cidade vão abordar seis grandes eixos que interagem entre si: Cooperação e Paz; Igualdade e Equidade; Longevidade, Bem-estar e Território Conectado; Desenvolvimento Econômico, Competitividade e Inovação; Mudanças Climáticas; e Resiliência e Governança. Os conselheiros, presencialmente ou pela internet, foram divididos em grupos nestes temas e passaram a manhã desta quinta reunidos no Palácio da Cidade.

– Minha mensagem é de otimismo, é possível sim estabelecer metas ousadas para reduzir a pobreza da cidade. É possível, sim, ter clareza sobre quais são as áreas de desenvolvimento econômico que podemos atrair. Quais os protagonismos que o Rio tem e pode recuperar, como a gente volta a gerar emprego e renda, além de melhorar as condições de vida das pessoas.  Esses são os desafios do time que está aqui – reforçou o prefeito.

Neste primeiro encontro, cerca de 60 conselheiros participaram presencialmente, enquanto outros 200 estavam de forma remota. Criado em 2012 com o propósito de revisar e acompanhar o Plano Estratégico 2013-2016, o Conselho da Cidade agora foi retomado para sugerir à Prefeitura estratégias de atuação para os próximos anos.

 

– Hoje, estamos retomando o Conselho da Cidade com cariocas, pessoas que amam o Rio, de diferentes áreas e correntes de pensamento, que nos inspirem e nos ajudem a fazer escolhas. Queremos, juntos, neste momento duro que estamos vivendo, olhar para futuro e começar a construí-lo – disse o secretário de Fazenda e Planejamento, Pedro Paulo. – Por meio da plataforma participa.rio/retomada vamos  escutar a população como um todo – completa.

 

Material distribuído aos integrantes do Conselho da Cidade – Beth Santos/Prefeitura do Rio

 

Entre os integrantes do conselho presentes estavam Rodrigo Pimentel, escritor do livro A Elite da Tropa; o médico Gilberto Ururahy; Fabio Szwarcwald, diretor executivo do MAM; Joana Monteiro, coordenadora do Centro de Pesquisa do Ministério Público do Rio de Janeiro e professora da FGV/EBAPE; o CEO do Bondinho Pão de Açúcar, Sandro Fernandes; a dona do restaurante e café Bazzar e colunista na Veja Rio, Cristiana Beltrão; a socióloga Aspasia Camargo; a presidente da Associação Comercial do Rio, Angela Costa, e, do Viajante Lírico, Rafael Moreira.

 

Conselheiros elogiam a iniciativa da Prefeitura

O empresário Ricardo Amaral também participou desta primeira reunião do Conselho da Cidade. Integrante do grupo Desenvolvimento Econômico, Competitividade e Inovação, ele se diz entusiasmado e confiante de que esse é o momento de o Rio dar uma grande virada.

– Estou muito animado, tenho diversos planos, mas não se faz nada sozinho. Temos que organizar tudo de uma maneira muito objetiva e rápida. Uma das minhas ideias é sugerir a criação de um calendário de eventos para atrair ainda mais os turistas – disse o empresário, chamado de o “Rei da Noite Carioca”, por ter criado bares, boates e clubes noturnos de sucesso.

  • 6 de maio de 2021