Vilas Olímpicas reforçam inclusão durante Paralimpíada de Tóquio

Publicado em 03/09/2021 - 18:23 | Atualizado
Eventos, em formatos de jogos paralímpicos, reuniram quase 200 atletas - Divulgação/Prefeitura

Dentro do espírito paralímpico de Tóquio e aproveitando a campanha do chamado Setembro Verde, que reforça a importância da acessibilidade e da inclusão da pessoa com deficiência, as vilas olímpicas Jorginho da SOS, da Maré e o Centro Esportivo Miécimo da Silva realizaram esta semana atividades esportivas internas voltadas para PCDs. Os eventos, em formatos de jogos paralímpicos, reuniram quase 200 atletas que disputaram em modalidades como atletismo e natação. Até mesmo os pais dos alunos puderam participar como orientadores.

Os equipamentos realizaram ainda experiências sensoriais com o público, como andar de cadeira de rodas, vendar os olhos para jogar goalball e fazer uma partida de bocha adaptada. Também houve apresentação de balé e de ginástica artística infantil e brincadeiras como revezamento de copo e bola ao cone. Muitas das atividades foram apresentadas como competição com o objetivo de motivar a funcionalidade de cada aluno, o que enriqueceu ainda mais a participação deles.

– Esse tipo de experiência é muito enriquecedora, pois envolve todas as pessoas que estão no dia a dia da pessoa com deficiência. Além, claro, de ser uma ótima forma de inclusão. E eles ainda têm um incentivador a mais, que é essa galera que está arrebentando nos Jogos de Tóquio. Isso é um estímulo e tanto – comemora o secretário municipal de Esportes, Guilherme Schleder.

 

Clima foi de muita alegria e descontração – Divulgação/Prefeitura
  • 3 de setembro de 2021