Fiscais  removem e lacram 77 vans

Publicado em 16/03/2019 - 11:51 | Atualizado em 11/04/2019 - 11:55
A Coordenadoria Especial de Transporte Complementar (CETC), órgão vinculado à Secretaria Municipal de Ordem  Pública(Seop), removeu  69  vans, das quais 15 piratas, e lacrou outras oito. Ao todo, os fiscais aplicaram 179  multas nas ações realizadas em diversos bairros durante a semana. A fiscalização segue intensificada neste sábado(16).
Entre as  irregularidades flagradas, destacam-se: lotação excedente, motorista sem autorização da Prefeitura para realizar a atividade, motorista utilizando celular ao volante, selo de vistoria vencido e licença fora de validade, pneus sem frisos, estacionamento irregular do utilitário, transitar em local proibido e veículo em mau estado de conservação.
As vans piratas foram removidas nos seguintes bairros: Bangu, Realengo, Engenho da Rainha, Bonsucesso, Ilha do Governador, Guadalupe, Barra da Tijuca, Rio Comprido e Penha. Outros bairros em que os fiscais também retiraram vans irregulares de circulação foram Leblon, Rocha Miranda, Inhaúma, Padre Miguel, Coelho Neto, Irajá, Penha, Taquara, Guaratiba, Vista Alegre, São Cristóvão e Colégio. Irregularidades também foram flagradas em Del Castilho, Cachambi e Madureira.
A fiscalização da Coordenadoria tem o objetivo de oferecer mais segurança na mobilidade dos usuários do transporte complementar, fiscalizar os serviços prestados por vans e kombis do sistema e reprimir o transporte ilegal realizado por vans piratas.
A CETC destaca a importância da população no registro de denúncias, que são anônimas, e podem ser realizadas por meio do 1746 em posse da placa, data, horário e local  com o objetivo de auxiliar no direcionamento e planejamento das ações.