Prefeitura faz homenagem a empreendedor do Complexo do Alemão

Publicado em 28/10/2021 - 18:10 | Atualizado em 28/10/2021 - 18:36
A Travessa Marcelo Ramos - Rodrigo Andrade / Prefeitura do Rio

A Prefeitura do Rio, por meio da Secretaria Municipal de Conservação, fez uma homenagem ao empreendedor Marcelo Ramos, do Complexo do Alemão, morto em junho deste ano por complicações relacionadas à Covid-19. Nesta quinta-feira (28/10) foi instalada a placa dando o nome de Travessa Marcelo Ramos Andrade à via onde fica o bistrô de cervejas especiais que ele abriu em 2012, junto com a mulher, na comunidade Nova Brasília.

Para a secretária de Conservação, Anna Laura Valente Secco, a iniciativa é o reconhecimento oficial a uma pessoa que deixou seu nome na história carioca:

 

– Marcelo foi inovador ao apostar em um bistrô de cerveja artesanal dentro de uma comunidade. Seu sucesso é inspiração dentro e fora da Nova Brasília. É com muito orgulho que, a pedido do Prefeito Eduardo Paes e de Rene Silva, fundador do jornal Voz das Comunidades, prestamos essa homenagem.

 

Além da confecção e instalação da placa, as equipes da Conservação executaram melhorias no local, como recuperação de jardineira, pintura da parede no trecho em frente ao bistrô, recuperação de calçada e tapa-buracos. A mudança de nome da travessa atendeu ao Decreto Rio nº 49.077, de 5 de julho de 2021.

 

A placa – Rodrigo Andrade / Prefeitura do Rio

 

Sobre Marcelo Ramos

Em 2012, Marcelo Ramos Andrade inaugurou junto com a mulher, Gabriela Romualdo, o Bistrô R&R na comunidade Nova Brasília, que faz parte do Complexo do Alemão. Os rótulos especiais fizeram tanto sucesso que ele criou uma marca própria de cerveja, uma Lager Premium chamada Complexo do Alemão. A bebida é considerada a primeira cerveja artesanal feita em favelas no Brasil.

  • 28 de outubro de 2021