Ação em praia marca participação dos garis da Comlurb no Dezembro Laranja contra o câncer de pele

Publicado em 17/12/2021 - 16:09 | Atualizado
Garis da Comlurb participam de ação contra o câncer de pele na Praia do Arpoador - Divulgação

A Comlurb promoveu, em parceria com a Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD), na manhã desta sexta-feira (17/12), uma ação de conscientização na Praia do Arpoador, Zona Sul do Rio, pelo Dezembro Laranja de prevenção ao câncer de pele. A ação foi animada pelo grupo Chegando de Surpresa, formado por garis que usam a música e a dança em campanhas de conscientização. Os integrantes do grupo e todos os 140 garis que trabalham na limpeza das praias de Ipanema e Leblon vestiram a camiseta laranja e o laço símbolo da campanha. Houve distribuição de folhetos e sachês de protetor solar para chamar a atenção dos banhistas.

 

– Nos sentimos muito honrados com o convite da SBD para participarmos do Dezembro Laranja. Tem tudo a ver com a Companhia. Não só pelo laranja, cor do conhecidíssimo uniforme dos nossos garis, como também pelo fato dos nossos 14 mil profissionais da limpeza urbana trabalharem sob o sol e é muito importante que se protejam – disse o presidente da Comlurb, Flávio Lopes.

 

O presidente ressaltou que a Companhia orienta os garis, principalmente os de praia, a usarem o uniforme oficial completo, com o boné legionário (que possui proteção UV no tecido), além de filtro solar. A Comlurb disponibiliza de forma permanente em todas as suas gerências sachês com protetor solar para serem distribuídos aos garis e incentiva que eles façam uso do produto.

 

– As pessoas devem ter consciência da prevenção do câncer de pele desde pequeno. É um conjunto de medidas, incluindo protetor solar, óculos escuros e boné – lembrou Fabiano Leal, presidente da SBD Rio.

 

Magno Neves, 30 anos, morador do Cantagalo, surfista desde os 6 anos e instrutor da escola de surfe no Arpoador, assistiu a ação e disse que apoia o Dezembro Laranja.

 

– Tem que se prevenir porque o câncer de pele é uma coisa muita séria. Eu começo o dia passando protetor solar no meu corpo inteiro para me proteger dos raios solares. Quando eu não estou com a roupa de borracha, eu uso uma blusa com proteção UV, que é muito importante – afirmou o surfista.

 

A ação foi animada pelo grupo Chegando de Surpresa, formado por garis que usam a música e a dança em campanhas de conscientização – Divulgação

 

Durante a ação, foram produzidos pequenos vídeos para serem veiculados nas redes sociais da Comlurb e tornar a campanha ainda mais abrangente.

Sobre o Dezembro Laranja

A Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD) tradicionalmente organiza o Dezembro Laranja em todo o país desde 2014.O tema da iniciativa deste ano é “Adicione mais fator de proteção ao seu verão!”. A mensagem alerta os brasileiros sobre a necessidade de reforçar as medidas de prevenção contra o Covid-19 sem ignorar a importância da fotoproteção. A campanha recomenda que, além do uso do álcool em gel, máscaras e respeito ao distanciamento social, a população adote hábitos de fotoproteção para garantir sua saúde de modo pleno. Isso implica em passar protetor solar, evitar a exposição em horários mais quentes (entre 9h e 16h) e não esquecer o chapéu, o boné e os óculos escuros quando a pessoa estiver ao ar livre.

Este ano, a Campanha conta com a adesão voluntária dos atores Tony Ramos e Carmo Dalla Vecchia, das cantoras Kelly Key e Karol Conká, da modelo Claúdia Liz e dos jornalistas Tom Borges e Eliane Cantanhede. Também aderiram à iniciativa instituições públicas e privadas, como o Congresso Nacional, a Federação das Indústrias de São Paulo, o Conselho Nacional de Justiça, o Conselho Federal de Medicina, governos estaduais e prefeituras municipais.

Tumores

A SBD esclarece que o câncer de pele é provocado pelo crescimento anormal das células que compõem a pele. Quando descoberto no início, tem mais de 90% de chances de cura. A doença corresponde a 27% de todos os tumores malignos no país, sendo os carcinomas basocelular e espinocelular (não melanoma) responsáveis por cerca de 180 mil novos casos da doença por ano. Já o câncer de pele melanoma tem em torno de 8,5 mil casos novos por período. A incidência é maior do que os cânceres de próstata, mama, cólon e reto, pulmão e estômago.

 

  • 17 de dezembro de 2021