Subprefeitura e Seop fazem operação integrada e coíbem venda irregular de quentinhas na Zona Sul

Publicado em 29/04/2022 - 18:13 | Atualizado
Fiscais da Subprefeitura da Zona Sul e Seop fiscalizaram os locais nesta sexta-feira - Divulgação

Em operação conjunta entre a Subprefeitura da Zona Sul e a Secretaria de Ordem Pública (Seop), nesta sexta-feira (29/4), nos bairros da Lagoa, Leblon e Ipanema, diversos pontos de venda irregulares de quentinhas foram vistoriados com o objetivo de coibir a venda ilegal de comida na rua. Durante a ação, mais de 20 pontos foram vistoriados e, em alguns casos, materiais foram apreendidos, como vasilhames de isopor, cooler, mesas, bancos, além de algumas quentinhas. Cerca de dez notificações foram emitidas para a regularização.

A operação ocorreu após grande número de denúncias em relação à forma de armazenamento dos alimentos, a sujeira deixada e também ao engarrafamento que os pontos de venda irregular têm causado em algumas áreas da Zona Sul, como na Avenida Epitácio Pessoa, na Lagoa, e ruas Prudente de Moraes e Aníbal de Mendonça, em Ipanema.

 

– Além dos pontos de venda impactarem negativamente o trânsito da região, a prestação de serviços de alimentação em condições especiais deve seguir normas quanto à higiene, manuseio, armazenagem e disposição. A Subprefeitura está atenta e combatendo as irregularidades junto aos órgãos municipais – disse o subprefeito da Zona Sul, Flávio Valle.

 

A Lei 1876/92 está em vigor e regulamenta o comércio ambulante no Município. As equipes buscam cumprir a lei durante as operações.

 

– Seguiremos realizando ações na Lagoa para coibir a venda irregular de quentinhas, especialmente por ser atividade que promove desordens no trânsito e ocupa de forma irregular o espaço público – destacou o secretário de Ordem Pública, Brenno Carnevale.

 

A Subprefeitura da Zona Sul e a Seop também seguem mobilizadas com as operações para garantir a liberação do passeio público pelo comércio ilegal, que utiliza mesas e cadeiras não autorizadas e provoca a perturbação do sossego.

  • 29 de abril de 2022