Prefeitura do Rio inicia entrega do Cartão Cesta Básica para alunos da Rede Municipal de Ensino

Publicado em 12/04/2020 - 16:07 | Atualizado em 13/04/2020 - 14:41
A entrega de cartões Cesta Básica a responsáveis por alunos da rede municipal começou neste domingo de Páscoa. Foto: Prefeitura do RioA entrega de cartões Cesta Básica a responsáveis por alunos da rede municipal começou neste domingo de Páscoa. Foto: Prefeitura do Rio

A Prefeitura começou, neste domingo (12/4), a entrega dos Cartões Cesta Básica às famílias de alunos da Rede Municipal de Ensino cadastradas no Bolsa Família e no Cartão Família Carioca. Por meio da Secretaria Municipal de Educação (SME), foram entregues 1.600 cartões em 5 unidades da Zona Oeste, da 10ª Coordenadoria Regional de Educação.

Ao longo do mês, serão beneficiadas 140 mil famílias cadastradas nos programas sociais. Elas serão convocadas pela SME a comparecer às unidades escolares para retirar o cartão, de forma escalonada, sem que haja aglomeração.

A secretária municipal de Educação, professora Sueli Gaspar Pontes, participou da entrega dos cartões no Ciep 1º de Maio, em Santa Cruz. Sueli, que já atuou como diretora na unidade, destacou a importância da ajuda às famílias durante a pandemia do novo coronavírus (COVID-19).

— Essa ação é importante para os estudantes da nossa rede e das famílias nesse momento em que muitos responsáveis não estão trabalhando e precisam garantir o alimento na mesa. E iniciar essa entrega na Páscoa nos deixa mais confortados, porque precisamos amparar as crianças e as famílias que estão conosco — disse a secretária.

Os primeiros cartões foram distribuídos nos seguintes locais: Ciep 1º de Maio (140); Escola Municipal Aldebarã (273); Ciep Maestro Heitor Villa Lobos (307); Escola Municipal Otelo de Souza Reis (160); Creche Municipal Sempre Vida Antares (79), todas em Santa Cruz, e em duas unidades da 6ª Coordenadoria Regional de Educação, Zona Norte – Escola Municipal Alexandre de Gusmão (200) e Escola Municipal Andrea Fontes Peixoto (400), na Pavuna e Parque Colúmbia, respectivamente.

 

A distribuição dos cartões começou na Zona Oeste, naárea da 10a Coordenadoria Regional de Educação. Foto: Prefeitura do Rio
A distribuição dos cartões começou na Zona Oeste, naárea da 10a CRE. Foto: Prefeitura do Rio

 

Apoio na hora da necessidade

Maurício José dos Santos, 51 anos, foi um dos primeiros a chegar ao Ciep 1º de Maio para a retirada de seu benefício. Desempregado e com dois filhos matriculados na Rede Municipal, ele entende a necessidade do afastamento social e, com a ajuda da Prefeitura, acredita que poderá melhorar a alimentação da família nesse período.

— Tudo que vem para melhorar a nossa alimentação é algo que nos deixa mais tranquilos. Tenho só a agradecer por essa ajuda agora, quando não estamos conseguindo nem mesmo trabalho informal.

Bárbara dos Santos Martins, 36 anos, desempregada, disse que o benefício é um alívio para ela e os dois filhos matriculados no Ciep 1º de Maio.

— Com as crianças dentro de casa, eles acabam sempre comendo mais. Para mim, é fundamental.

A mãe do Geovane Gabriel, de 10 anos, a diarista desempregada Simone Tavares, de 45 anos, também aprovou a ação.

— Aqui em Antares, nós sabemos que a situação nunca foi fácil. Estamos ficando em casa o máximo possível para evitar a contaminação pelo coronavírus. O cartão chega em boa hora.

Banco do Brasil poderá recarregar os cartões

Os cartões foram produzidos pelo Banco Brasil e são entregues carregados com o valor de R$ 100 para aquisição de gêneros alimentícios. Os cartões poderão ser recarregados caso haja prorrogação do período de suspensão das aulas.

A Prefeitura do Rio já tinha dado cestas básicas aos alunos que compareceram às unidades escolares para almoçar nos primeiros dias de suspensão das aulas. As cestas foram entregues no último dia 19/3. Além disso, também foram distribuídos cerca de 131 mil litros de leite integral para alunos de creches do município, alunos segmento Educação Infantil e Pré-escola.