Prefeitura do Rio faz vistoria no Parque da Chacrinha e descarta risco de queda do Jequitibá de 300 anos em Copacabana

Publicado em 09/10/2020 - 15:55 | Atualizado
  • Início/
  • /
  • Prefeitura do Rio faz vistoria no Parque da Chacrinha e descarta risco de queda do Jequitibá de 300 anos em Copacabana
De acordo com o secretário municipal Bernardo Egas, a árvore Jequitibá não corre risco de queda. -Foto: Marco Antonio Rezende / Prefeitura do Rio

A Prefeitura do Rio de Janeiro, por meio da Secretaria Municipal de Meio Ambiente, vistoriou, nesta sexta-feira, dia 09/10, a árvore Jequitibá de 300 anos no Parque Estadual da Chacrinha, em Copacabana. O Secretário Municipal de Meio Ambiente, Bernardo Egas, acompanhado do engenheiro florestal Salvador Sá, descartaram qualquer risco de a árvore centenária cair.

– Havia uma preocupação da árvore estar correndo risco de queda, por causa de alguns deslizamentos do passado, mas vimos que ela está com saúde e firme no terreno, assegurou o secretário Bernardo Egas.

Durante as fortes chuvas de abril de 2019, a trilha que leva ao Jequitibá, no alto da encosta do parque, teve parte do caminho destruído por um deslizamento a 30 metros de distância da árvore centenária. Na vistoria que fez no local, o engenheiro florestal Salvador Sá, observou a rápida recuperação do terreno do entorno do Jequitibá.

– Na área do deslizamento já podemos observar a regeneração da mata e o Jequitibá está aparentemente muito estável, está saudável, e não apresenta nenhum sinal de injúria. A árvore apresenta raízes muito grossas, entranhadas no terreno e está assentada sobre um imenso bloco de rocha que faz parte da encosta, afirmou o engenheiro florestal Salvador Sá, que acompanhou o secretário na vistoria.

Durante a visita ao parque, o Secretário Bernardo Egas anunciou que técnicos da secretaria vão coletar alguns ramos do Jequitibá para produzir diversas mudas com esse mesmo material genético, com o objetivo de preservar a história da árvore, que é um marco para Copacabana.