Operação com agentes municipais impede forró em bar de Campo Grande, na Zona Oeste

Publicado em 26/06/2020 - 10:54 | Atualizado
Ação da Seop impede forró em Campo Grande. Foto: Divulgação Seop / Prefeitura do Rio

A Prefeitura do Rio, por meio da Secretaria Municipal de Ordem Pública (Seop), impediu, na noite desta quinta-feira, 25/06, a realização de um evento não autorizado em Campo Grande, na Zona Oeste. A festa “Forró de Quinta” aconteceria em um bar na Rua Filismino de Moura, com direito a estrutura de áudio profissional e área gradeada. Este é o terceiro evento clandestino interrompido pelo Disk Aglomeração, serviço coordenado pela Seop, em menos de uma semana. O estabelecimento foi interditado por descumprir o decreto municipal de enfrentamento à pandemia do novo coronavírus.

Com agentes da Subsecretaria de Operações (Subop) da Seop, guardas municipais e policiais militares contratados na folga pela Prefeitura, a ação foi deflagrada após denúncias feitas ao canal 1746 e investigação do setor de inteligência da secretaria, que encontrou inclusive a divulgação on-line da festa. No local, as equipes constataram a montagem de toda a estrutura necessária para o evento irregular, como os equipamentos de som e gradeamento, mesas e cadeiras, e até decoração com tecidos e bandeirinhas de festa junina. Tudo foi desmontado e o responsável pelo som qualificado pela Polícia Militar.

Histórico – No domingo, 21/06, equipes do Disk Aglomeração impediram que uma festa de rua acontecesse no bairro Colégio, na Zona Norte, e no sábado, dia 20, evitaram um show (pago) de DJs em sítio particular em Guaratiba, na Zona Oeste.