Fundação Parques e Jardins abre vagas para servidores municipais que queiram se transferir

Publicado em 27/08/2019 - 16:27 | Atualizado em 04/09/2019 - 15:19

A Fundação Parques e Jardins (FPJ) convida servidores municipais formados em arquitetura, engenharia civil ou florestal e agronomia para se transferirem para a instituição. Em um momento em quem muitos dos antigos funcionários estão se aposentando, a direção da fundação busca formar uma nova equipe e abre vagas que deverão ser preenchidas por integrantes dos quadros da própria Prefeitura.

A fundação é a mais antiga instituição da Prefeitura e está completando 150 anos. Desde 1869, é responsável por planejar, projetar, construir e conservar o espaço urbano de parques, praças, jardins, monumentos e a arborização da cidade. Áreas consagradas pelo uso da população como o Passeio Púbico, o Campo de Santana, a Quinta da Boa Vista, o Parque do Flamengo, o Jardim de Alah e tantos outros projetos e obras de arquitetura paisagística, monumentos, chafarizes e arborização agregam valor estético, social e ambiental à cidade.

Pela FPJ passaram servidores e colaboradores que deixaram grande legado para a cidade do Rio de Janeiro como o arquiteto francês Auguste François Marie Glaziou, que trabalhou para a corte do Império brasileiro e foi primeiro diretor da FPJ, além de nomes como Roberto Burle Marx, Júlio Furtado, Paul Villon, Azevedo Neto, Luiz Emygdio de Mello, Fernando Magalhães Chacel, Pedro Paulino, Renato Primavera Marinho entre outros.

Os interessados devem entrar em contato com a Gerência de Recursos Humanos da FPJ através do e-mail: grh_fpj@rio.rj.gov.br. No assunto do e-mail, escrever “chamamento de servidores – nome do candidato”. No corpo do e-mail deverá estar o currículo do candidato.

  • 27 de agosto de 2019