Fim de festas e estabelecimentos multados em Jacarepaguá por aglomeração

Publicado em 15/02/2021 - 16:17 | Atualizado em 15/02/2021 - 16:19

Equipes da Subprefeitura de Jacarepaguá, inclusive com a presença da subprefeita da região Talita Galhardo, acompanharam as equipes da Secretaria Municipal de Ordem Pública em diversas operações desde a madrugada de sexta, dia 12, quando começaram as ações para evitar festas e aglomerações. Estavam presentes também integrantes do Controle Urbano, do Instituto da Vigilância Sanitária, da Guarda Municipal e da Polícia Militar.

Em Jacarepaguá, a fiscalização impediu neste domingo a realização de duas festas:  o “Bailão de 2”, na escolinha do Vasco, conhecida como Vasquinho, na Estrada do Gabinal, 597, na Freguesia, e a festa “Tropa da Mega”, na Estrada dos Bandeirantes, 6.471, na Curicica, próximo ao Projac.

A festa Tropa, de rap e funk, reunia dezenas de jovens. Foi constatado consumo de bebidas alcoólicas e apreendidas 3.706 unidades de cerveja, energético, whisky, gim, água e refrigerante. Os itens foram apreendidos pelos fiscais sanitários e acautelados pela Coordenadoria de Controle Urbano (CCU, da Seop). No local, também havia venda de ingressos a 10 reais.

Por volta da meia noite, as equipes acabaram com uma festa em Rio das Pedras e autuaram dois bares na Avenida dos Mananciais, nos números 835 e 1030, na Taquara.

Desde a sexta-feira (12/02), quando começaram as ações para combater aglomerações no período que seria do carnaval, já foram feitas 46 inspeções sanitárias, com 30 autos de infração e 17 interdições, além de sete apreensões de equipamentos de som e uma de bebidas em toda a cidade, de acordo com balanço da Seop.

A subprefeita de Jacarepaguá informou que as ações de fiscalização continuam ao longo da semana:

– Estão proibidas festas e aglomerações. Temos que respeitar a lei e principalmente o próximo em um momento como esse da pandemia. Divulgamos amplamente essas regras, mas existem pessoas que insistem em realizar essas grandes festas e shows sem responsabilidade nenhuma. Não dá pra aceitar e todas as medidas foram tomadas para não permitir de forma alguma essas grandes aglomerações. Estamos nas ruas e estamos monitorando os principais locais de aglomerações – explicou Talita Galhardo, acrescentando que todo o carioca pode ajudar a informar onde estão acontecendo as festas, através do 1746.

Subprefeitura de Jacarepaguá remove lava a jato irregular em Curicica

A Subprefeitura de Jacarepaguá removeu ainda um lava a jato, que tinha ligação clandestina de água e o armazenamento era feito em dois reservatórios amarrados com correntes nas grades da Escola Municipal Lincoln Bicalho Roque.

A subprefeita diz que não permitirá este “tipo de absurdo”. – Os moradores de Jacarepaguá podem ter certeza que estaremos com os olhares atentos ao entorno de todos equipamentos municipais e às vias públicas.

Na ação de fiscalização e controle urbano realizada neste sábado e domingo, também foram retiradas várias placas de propaganda irregular e notificados ambulantes sem licença em vários locais de Jacarepaguá.

Saldo da operação no turno da manhã deste domingo: 17 propagandas irregulares apreendidas, 4 estabelecimentos notificados e um lava a jato desmontado.

– A fiscalização está nas ruas para notificar, multar e proibir tudo que estiver errado. Desde festas irregulares, a ocupação de espaços públicos, estacionamentos irregulares, propagandas abusivas e outros problemas – diz Talita Galhardo.

  • 15 de fevereiro de 2021