CET-Rio e Guarda Municipal montam esquema especial de trânsito e segurança para embarque do Flamengo

Publicado em 12/12/2019 - 10:36 | Atualizado em 12/12/2019 - 10:53

A delegação do Flamengo embarca nesta sexta-feira, 13 de dezembro, para a disputa do Mundial de Clubes da Fifa, no Catar. Para garantir a tranquilidade do deslocamento dos campeões brasileiros e da Copa Libertadores de 2019, CET-Rio e Guarda Municipal prepararam uma operação especial de trânsito e segurança. O objetivo é também reduzir ao máximo os impactos para a cidade do Rio de Janeiro. O esquema prevê intervenções na região de Vargem Grande, ma Zona Oeste (onde fica o Ninho do Urubu, centro de treinamento do Flamengo, de onde partirá o ônibus), e também na Ilha do Governador, na Zona Norte, onde está localizado o Aeroporto Internacional Antonio Carlos Jobim.

As alterações

A partir das 9h, a Estrada dos Bandeirantes, no trecho de Vargem Grande, entre a Estrada do Rio Morto e Avenida Américas (início da Serra da Grota Funda), passará a ter circulação restrita a moradores locais e ônibus de linhas regulares.

Na Ilha do Governador, a partir de 10h, os acessos à Ponte Velha do Galeão estarão bloqueados nos 2 sentidos. A partir desse horário a chegada e saída da Ilha deverá ser feita exclusivamente pela Estrada do Galeão  (Ponte Nova).

Recomendação importante ao torcedor

Por se tratar de dia útil, as medidas para o deslocamento da delegação foram alinhadas em conjunto entre os órgãos de segurança e os órgãos de trânsito. A principal recomendação da Prefeitura, da Polícia Militar e do próprio clube é para que os torcedores não se dirijam ao aeroporto, porque isso pode atrasar a ida da delegação até o local de embarque.

Guarda Municipal terá 70 guardas

A Guarda Municipal do Rio (GM-Rio) vai atuar no ordenamento urbano e no trânsito, em apoio ao embarque do Flamengo. Equipes dos grupamentos de Operações Especiais (GOE), Tático Móvel (GTM) e de Trânsito (GET) estarão em pontos estratégicos do trajeto feito pelo ônibus da delegação, operando em áreas de interdição e bloqueio estabelecidas pela CET-Rio. Haverá ainda equipes atuando na Gávea, na Zona Sul, onde fica a sede social do Flamengo.

A operação da GM-Rio terá início às 8h e contará  com apoio de viaturas e motocicletas, além de rádios de comunicação e toda a estrutura de monitoramento por câmeras da cidade e do aeroporto.