Centro de Operações Rio lança aplicativo para agilizar atendimento das ocorrências na cidade

Publicado em 26/01/2021 - 07:23 | Atualizado
  • Início/
  • /
  • Centro de Operações Rio lança aplicativo para agilizar atendimento das ocorrências na cidade
O aplicativo do COR vai agilizar o atendimento às ocorrências na cidade - Reprodução

O Centro de Operações Rio (COR) lançou nesta segunda-feira (25/01) um aplicativo interno para agilizar a troca de informações entre as equipes da Prefeitura, concessionárias e o próprio COR, dando mais velocidade na resposta do município ao cidadão.  A ferramenta, em fase de testes, é voltada somente para os servidores municipais, que vão reportar e monitorar ocorrências como queda de árvores, bolsão d’água em vias, incêndio em veículos, entre outras, diretamente para o sistema do Centro de Operações.

Além do relato, é possível anexar imagens e informar se a gravidade do problema foi baixa, média, alta ou crítica. Atualmente, os comunicados são feitos por meio de aplicativos de mensagens de texto, como o WhatsApp.

Para o novo chefe executivo do COR, Bruno Ramos, com a novidade tecnológica, o Centro de Operações ganha autonomia na troca de informações operacionais.

– Tanto no dia a dia da cidade quanto em momentos de crise, ter agilidade é fundamental para minimizar o impacto na vida do carioca. Com o app, teremos mais um monitoramento avançado do Centro de Operações. Vamos conseguir dar mais velocidade ao fluxo de informações que o COR recebe e passa aos órgãos operacionais. O objetivo é ganhar ainda mais velocidade na pronta resposta da Prefeitura – destacou.

Inicialmente, as oito subprefeituras usarão o aplicativo para acompanhar e reportar as ocorrências ao COR. Futuramente, todos os servidores municipais terão login e senha para acessar a ferramenta.

Além de comunicar incidentes ao Centro de Operações, os usuários também poderão visualizar informações sobre a cidade, como a previsão do tempo, o estágio operacional do município, as ocorrências abertas no sistema do COR e os alertas emitidos para a população. Tudo isso na palma da mão.

  • 26 de janeiro de 2021