Cem dias: Infraestrutura investe em grandes obras e serviços como a instalação de mais de 15 mil luminárias de Led na cidade

Publicado em 15/04/2021 - 09:00 | Atualizado em 16/04/2021 - 14:55
Lívia Ferreira do Amaral Figueiredo, coordenadora do Programa de Investimento da Secretaria de Infraestrutura - Marcelo Piu / Prefeitura do Rio

A Secretaria Municipal de Infraestrutura elabora e executa as grandes obras do município e também fica com a responsabilidade de construir e manter viadutos, pontes e túneis da cidade. Composta por três órgãos – Rio-Urbe, Geo-Rio e Rioluz -, a  pasta tem atuado para levar melhorias a áreas importantes da cidade, como as avenidas Brasil e Niemeyer, como mostra o balanço dos cem primeiros dias da atual gestão. A instalação de novas luminárias de Led nas vias públicas também é uma meta: até o momento já foram  providenciadas mais de 15 mil.

Para que muitas dessas obras saiam do papel é necessário captar recursos externos e, depois, acompanhar a aplicação desse dinheiro corretamente, como conta a coordenadora do Programa de Investimento da Secretaria de Infraestrutura, a arquiteta Lívia Ferreira do Amaral Figueiredo:

– A secretaria recebe recursos externos, que chegam por meio do Governo Federal via financiamentos, emendas parlamentares. A função do programa é cuidar desses investimentos, para que os valores sejam efetivamente aplicados na infraestrutura da cidade. O setor acompanha os contratos até a prestação de contas, apresenta relatório ao órgão concedente para que ele verifique o uso do dinheiro.

Lívia explica ainda que a Secretaria Municipal de Fazenda tem uma área de captação de recursos externos, mas cada pasta também tem seu próprio setor:

– Isso ocorre para dar mais agilidade, garantir que o convênio não perca prazos e o dinheiro seja liberado no período correto. A Infraestrutura é uma pasta fundamental para que os investimentos na cidade aconteçam, que a parte urbanística se desenvolva, que projetos de asfaltamento de ruas, construção de viadutos e até de uma nova Trans possam prosseguir de forma adequada.

Lívia é arquiteta – Marcelo Piu / Prefeitura do Rio

 

A seguir, o balanço de Infraestrutura, Geo-Rio, Rioluz e Rio-Urbe:

 

INFRAESTRUTURA

– Elaboração de termo de referência para licitação do projeto de revitalização asfáltica da Avenida Brasil no trecho Deodoro-Santa Cruz

– Licitação do Diagnóstico e Projetos para recuperação do pavimento do BRT Transoeste

– Licitação para substituir guarda-corpos da Ciclovia Tim Maia, no trecho São Conrado-Barra da Tijuca

– Recuperação estrutural e liberação do Viaduto de Quintino, onde houve rompimento da laje e interdição ao tráfego

– Reforço estrutural de três pilares do Elevado das Bandeiras que estavam em mau estado de conservação

– Recomposição de guarda-corpos de passarela no Aterro do Flamengo, em frente ao Hotel Glória, e da cobertura da passarela de Bangu

– Vistorias nos viadutos Pedro Álvares Cabral e da Estrada das Canárias para eliminar risco de queda de detritos

– Retirada do tabuleiro da passarela na Avenida Manoel Caldeira de Alvarenga, que ruiu sob o Rio do A, em Campo Grande

– Recuperação total da rampa de acesso a deficientes na Avenida Epitácio Pessoa 3.350

– Aumento da seção dos pilares e recuperação da cobertura da passarela em frente ao Hospital Municipal Ronaldo Gazolla, em Acari

– Reinício das obras de recuperação estrutural das Pontes Nova e Velha da Barra, na Barra da Tijuca

– Conclusão da Obra Bairro Maravilha Oeste, nas comunidades Alhambra e Fernão Magalhães I e II

– Levantamento topográfico e desenvolvimento de projeto viário para a Comunidade do Aço, Vila de Paciência, em Santa Cruz

– Desenvolvimento do processo de certificação do prédio do Centro Administrativo São Sebastião, sede da Prefeitura, em relação ao CBMERJ

 

GEO-RIO

– Limpeza das encostas da Avenida Niemeyer, com a retirada de mais de 30 toneladas de entulho, o que permitiu a identificação de diversos riscos e o início de obra emergencial para mitigação de riscos à população

– Obras de contenção no trecho em frente ao número 105 da Avenida Niemeyer

– Execução de medidas para reabertura da Ciclovia Tim Maia

– Integração otimizada e técnica com a equipe da Subdec (Defesa Civil)

– Melhoria no canal de comunicação, com utilização de pontos focais e priorização de serviços ligados exclusivamente à Geo-Rio

 

RIOLUZ

– Instalação de 15 mil novas luminárias de Led, seguindo critérios como: mancha criminal, IDH, índice de apagamentos, regiões de maior vulnerabilidade social

– Ampliação em 100% dos fornecedores homologados para fornecimento de luminárias de Led

– Elaboração de Termo de Referência e Projeto Básico para licitação de plano inclinado em substituição às escadas rolantes de Campo Grande

– Redução de contratos administrativos com economia (cost saving) de R$ 40 milhões anuais

– Remodelagem da estrutura organizacional, que ficou mais enxuta e ágil

– Reformulação do Quadro de Detalhamento de Despesas, alocando recursos para pagamento das despesas previstas no Contrato da PPP

– Redução da conta de consumo de iluminação pública da Light em 10 %

– Reestruturação da Ouvidoria e implantação de novo sistema informatizado de acompanhamento dos serviços prestados pela Rioluz

– Redução da frota de veículos em 20%

– Redução dos serviços de telefonia móvel em 56%

 

RIO-URBE

– Contratação de obras de adequação do Sambódromo e da Cidade do Samba para obtenção final da licença do Corpo de Bombeiros

– Inauguração da Vila Olímpica Oscar Schmidt, após recuperação da pista de atletismo, da caixa de areia para salto, da quadra de bocha (coberta), dos bancos e dos muros em alvenaria da piscina, do alambrado das quadras de tênis, vôlei de praia e da quadra descoberta e o edifício principal do equipamento

– Parque Recanto do Trovador – Inauguração da quadra, do campo e dos vestiários reformados, além de recuperação do entorno e troca do portão. Rioluz trocou ainda a iluminação do parque por Led

– Apresentação de novo estudo de viabilidade para desmontagem e construção de quatro escolas do Legado Olímpico. Previsão de menor orçamento

 

LEIA MAIS: O balanço geral dos cem dias de governo

 

 

Cem dias: Planejamento Urbano investe em projetos para revitalizar e deixar a cidade mais inclusiva

Cem dias: Meio ambiente faz mais de 30 ações especiais para impedir desmatamento e preservar a natureza

Cem dias: Secretaria de Conservação funciona 24 horas por dia para garantir manutenção da cidade

Cem dias: Educação retoma ensino presencial em 419 escolas sem deixar de investir na qualidade de aulas online

Cem dias: Seop faz mais de 30 mil autuações ao fiscalizar cumprimento de medidas de proteção à vida

Cem dias: Balanço da Secretaria de Saúde tem abertura de 383 novos leitos e mais de 1 milhão de vacinados

  • 15 de abril de 2021