Calendário cultural tem atividades online e presencial para marcar Dia da Consciência Negra

Publicado em 18/11/2020 - 09:20 | Atualizado em 19/11/2020 - 10:33
Busto em homenagem a Zumbi dos Palmares no Centro. Foto: divulgação

A Prefeitura do Rio, por meio da Secretaria Municipal de Cultura e em parceria com o Conselho Municipal de Defesa dos Direitos do negro (Comdedine-RJ), celebra e reverencia a cultura afro-brasileira com uma programação repleta de atividades online e presenciais, como  oficinas, exposições, lives e shows musicais.

Pensando a dança e as relações raciais na corporeidade, o Centro Coreográfico realiza o Caminhos e Negritudes: Formação do corpo negro em balé clássico, com Paulo Melgaço, no dia 19, a partir das 16h, de forma online , no Facebook do CCO.

No dia 20, marcando o Dia de Zumbi e da Consciência Negra, a partir das 6h começa a tradicional cerimônia no busto de Zumbi, no Centro, com a alvorada e rufar de tambores. O encontro presencial, que respeitará o distanciamento social e todas as regras de ouro da Prefeitura, terá a lavagem simbólica do busto e contará com roda de capoeira , atividades culturais e apresentação do Afoxé Filhos de Ghandi. A partir das 13h, os festejos chegam ao Andaraí, no Renascença Clube, que realiza a tradicional feijoada, seguida do samba em homenagem ao cantor Reinaldo. O público será reduzido, o uso de  máscara é obrigatório e haverá distanciamento entre as mesas.

No Museu da História e Cultura Afro-brasileira (MUHCAB), das 14h às 19h, a programação online conta com a performance “Entre correntes, de Sheila Bezerra; aula de dança afro com o grupo Ile Ofé e o professor Charles Nelson, e roda de capoeira. As atividades acontecem no Instagram do museu.

Nas redes sociais, o Centro Coreográfico apresenta o Raízes, periferia e conhecimento, com Luciana Monnerat. O projeto é formado por uma série de vídeos curtos que visam fomentar práticas antirracistas na educação em dança , ampliando a concepção de território criativo para esta arte.

A partir das 16h, o Centro de Artes Calouste Gulbenkian relembra a retrospectiva do Cortejo da Tia Ciata, realizado em 2019. A programação acontece no Facebook e Instagram do Centro. E para os amantes do estilo choro, às 19h30, a Lona Cultural João Bosco, apresenta a live “Choro Negro”, no Instagram e Youtube. Neste mesmo horário, o Centro Cultural Laurinda recebe a exposição “Tenha Fé”. Trazendo imagens de trabalhos artísticos que fazem uma conexão com a religiosidade afro ameríndia, mostrando obras de artistas relevantes que evocam as raízes do sagrado através da arte, da Cultura, da Educação.

Em breve será divulgada a agenda completa das demais programações e atividades para marcar a data.

Semana da Consciência Negra terá atividades para homenagear Zumbi dos Palmares

Cais do Valongo e Toni Garrido na Semana da Consciência Negra do Programa Orquestra nas Escolas da SME

  • 18 de novembro de 2020