SMASDH e Comitê Internacional da Cruz Vermelha firmam acordo

Publicado em 25/02/2019 - 18:11 | Atualizado em 27/02/2019 - 22:37

A proposta tem como propósito capacitar profissionais para agir em situação de risco.O secretário de Municipal de Assistência Social e Direitos Humanos, João Mendes de Jesus, irá assinar um termo de cooperação técnica com CICV – Comitê Internacional da Cruz Vermelha.

A proposta é capacitar profissionais para identificar riscos em situações de emergência ou violência. O acordo funciona como uma forma de prevenção para que os profissionais que trabalham nos equipamentos da SMASDH em áreas mapeadas com este perfil saibam, além de identificar os riscos, como agir nesses casos e atender da melhor forma os usuários destas unidades.Nesta primeira etapa, os profissionais os coordenadores, diretores e profissionais com voz de comando participaram do treinamento técnico, onde posteriormente serão transmitidos para outros funcionários, de uma forma que todos estejam aptos para agir em situações de risco.”Toda a forma de prevenção é válida, ainda mais no município do Rio de Janeiro, onde existem muitos equipamentos próximos de áreas que necessitam de uma maior atenção.

Estamos muito honrados deste tratado com o CICV” — afirma o secretário João Mendes de Jesus.Comitê Internacional da Cruz Vermelha – O CICV é uma organização humanitária neutra, independente e imparcial, que trabalha em mais de 80 países para levar proteção e assistência a vítimas de conflitos armados e outras situações de violência. No Brasil, o CICV trabalha em algumas cidades para reduzir as consequências humanitárias da violência armada contra a população, restabelece os contatos entre familiares de migrantes, e apoia respostas ao sofrimento dos familiares de pessoas desaparecidas. O CICV também promove o Direito Internacional Humanitário (DIH) e os princípios humanitários.