João Mendes alerta a população sobre violência contra os idosos

Publicado em 25/06/2019 - 17:11 | Atualizado em 25/06/2019 - 17:14

O Projeto Rio ao Ar Livre, da Secretaria Municipal de  Assistência Social e Direitos Humanos (SMASDH), contou com a presença do secretário João Mendes de Jesus em três locais onde idosos fazem atividades físicas: Praça do Patriarca, em Madureira, Praça do Trem, no Engenho de Dentro, e Praça Serzedelo Correia, em Copacabana. As visitas fazem parte da Campanha de combate à violência contra o idoso.

“Desde 2003, em meu mandato de deputado federal, que atuo em prol da pessoa idosa e tenho muito orgulho de ter votado pela aprovação do Estatuto do Idoso” – afirma João Mendes. Ao retornar para o Rio de Janeiro foi eleito vereador, bem como autor de diversos projetos que viraram leis, como As Academias da Terceira Idade espalhadas pela cidade; o projeto Cidade Amiga, criando ambientes saudáveis para os idosos; e Vacina em Casa, entre outros.

“Com esses projetos transformados em leis, colocamos o Rio de Janeiro no mesmo patamar de cidades de países desenvolvidos, que cuidam de seus idosos, como algumas capitais europeias” – disse João Mendes. Além disso, o secretário ressaltou ainda sua atuação na aprovação do Conselho Municipal da Pessoa Idosa (Comdepi), que enfrentou dificuldades para ser implantado. Junto com o Conselho foi criado o Fundo do Idoso, que recebe contribuições de pessoas físicas e jurídicas, com dedução fiscal no Imposto de Renda devido.

A Campanha de Combate à Violência contra Idoso foi lançada pela SMASDH, no dia 18 deste mês, e vem tendo diversas atividades para chamar a atenção da população para o problema. Somente neste ano, a Secretaria já recebeu cerca de 700 denúncias de possíveis casos de violência contra idosos, que estão sendo checados. De acordo com levantamento do órgão, cerca de 48% de situações confirmadas são de violência por meio da negligência e, do total, aproximadamente 70% são contra idosos do sexo feminino.