Gestores da SMASDH recebem protocolo de atendimento ao público LGBT

Publicado em 08/02/2019 - 14:54 | Atualizado em 08/03/2019 - 15:00

A Secretaria de Assistência Social e Direitos Humanos (SMASDH), por meio da Subsecretaria de Políticas para a Mulher (SUBPM) e em conjunto com a Coordenadoria Especial da Diversidade Sexual (CEDS-Rio), instituiu o Protocolo de Rotina de Atendimento aos travestis, mulheres transexuais, homens trans e população LGBT, no âmbito das unidades administrativas da Secretaria Municipal de Assistência Social e Direitos Humanos da Prefeitura do Rio de Janeiro.

Nesta quarta-feira foi realizado no Museu do Amanhã, região central da cidade, um encontro para gestores da SMASDH conhecerem o protocolo e entenderem melhor a forma de trabalho com o público LGBT.
A subsecretária de políticas para a mulher, Joyce Braga, falou sobre a importância do protocolo. “A SMASDH é um grupo que anda muito alinhado e nossos equipamentos também funcionam assim. O meu desejo é que este protocolo deslanche com essa equipe brilhante que trabalha na CEDs. É muito bom estar junto deles. Este é um novo olhar para a sociedade. Sou muito grata pela parceria”— disse Joyce.
O Coordenador da CEDS-Rio, Nélio Georgini, também falou sobre a novidade. “Esta é a oportunidade para que as pessoas possam ter voz nas demandas de politicas públicas e sejam contempladas, pois isso é uma obrigação do estado para alcançarmos equidade”— concluiu.

  • 8 de fevereiro de 2019