Projeto Turistando com a Comunidade leva moradores da Maré para conhecer a Pequena África

Publicado em 18/12/2021 - 16:15 | Atualizado em 19/12/2021 - 20:02
Os moradores da Maré puderam conhecer o Mural Etnias, no Boulevard Olímpico - Prefeitura do Rio

Quarenta e cinco moradores do Conjunto Esperança, na favela da Maré, inauguraram neste sábado (18/12) o projeto Turistando com a Comunidade, parte integrante do Programa Favela com Dignidade, coordenado pela Secretaria de Ação Comunitária. A turma inaugural percorreu a Pequena África, roteiro que valoriza o passado do Rio de Janeiro. No Cais do Valongo foi mostrada aos visitantes a influência africana no Brasil.

Dona Alzira Quiane ficou encantada com a visita guiada na região portuária da cidade, que percorreu também o Boulevard Olímpico e o Mural Etnias, pintado pelo artista Eduardo Kobra.

 

– Eu que nunca tinha saído da comunidade, a não ser para trabalhar, estou encantada com essa oportunidade. Não sobra muito tempo, e dinheiro também, para um passeio como esse, onde a gente passa conhecer melhor o Rio e também apreender a história da cidade.

 

Foram disponibilizados dois micro-ônibus e lanches aos participantes. Ana Lea, vizinha de Dona Alzira, também elogiou o projeto.

 

– Esse programa faz a gente se sentir parte da cidade. Não estamos confinados às nossas comunidades apenas.

 

A secretária de Ação Comunitária, Marli Peçanha, ressaltou a importância do projeto Turistando com a Comunidade.

 

– Além de dar aos moradores o direito de conhecer a cidade onde mora, eles vão conhecer a arte, a cultura, a beleza e a história dos nossos principais complexos. Esse é um novo caminho para combater a segregação social. Estamos também realizando mais uma ação do Favela com Dignidade, um programa que assegura a participação popular na formulação de políticas públicas da Prefeitura. É dessa forma que os serviços solicitados pelas comunidades vão chegar. A Prefeitura está dando voz e vez aos moradores de favelas e comunidades – afirmou.

 

Programa Favela com Dignidade atende a mais de 1.200 pessoas

 

O Conjunto Esperança recebeu no mesmo dia o Programa Favela com Dignidade, em que foram realizados 1.203 atendimentos. Cerca de 18 secretarias e órgãos municipais estiveram presentes para realizar a limpeza nas margens do canal do Cunha, operação tapa buracos, vacinação, cadastramento para encaminhamentos de vagas de trabalho, inscrição em creches, novas matrículas e transferências, e inscrição no Cadastro Único, entre outros serviços.

Os secretários de Esportes, Guilherme Schleder; de Habitação, Cláudio Caiado; de Conservação, Ana Laura Secco; e de Assistência Social, Laura Carneiro, prestigiaram o evento.

 

O cais do Valongo também fez parte do roteiro do programa – Prefeitura do Rio
  • 18 de dezembro de 2021