Superintendência de Educação da Vigilância Sanitária inaugura nova sede no Humaitá

Publicado em 02/12/2019 - 15:33 | Atualizado em 16/12/2019 - 15:39

Ao longo deste ano foram mais de 18 mil capacitações gratuitas oferecidas pela Subsecretaria de Vigilância Sanitária e Controle de Zoonoses (Subvisa) e a procura tem sido tanta que, a partir de janeiro de 2019 a Superintendência de Educação do órgão ganha nova sede na Rua Maria Eugênia 148, no Humaitá, na Zona Sul do Rio. O espaço, que conta com dois auditório com cerca de 80 lugares ato todo, será dedicado aos cursos de capacitação e ao atendimento à população sobre licenciamento sanitário, certificado de inspeção sanitária, de regulamentação de eventos, além de orientações, atividades que antes eram realizadas na Rua do Lavradio, 180, no Centro. Além de oferecer mais infraestrutura às modalidades presenciais a Superintendência de Educação contará em breve com curso de Educação à Distância (EAD), para qualificação de profissionais até de outros municípios.

Durante o mês de dezembro, no entanto, os cursos presenciais da Subvisa que aconteciam na Rua do Lavradio, 180, na Lapa, serão oferecidos provisoriamente no Complexo Zona Sul, que fica na Avenida Pasteur, 44, em Botafogo. No site da Subvisa estão disponíveis datas e horários das capacitações deste último mês de 2019. Ministrados por servidores com experiência nos mais diversos públicos nas áreas de saúde, alimentos e zoonoses, os encontros acontecem sempre em dois turnos: manhã, das 9h às 12h e tarde, das 13h às 17h. Abaixo calendário dos cursos oferecidos, excepcionalmente em dezembro, no Complexo Zona Sul, em Botafogo. As inscrições para o próximo ano, porém, serão abertas a partir de janeiro. Interessados devem se inscrever com antecedência pelo email geducavisa@gmail.com.

09/12 – Manhã | Embelezamento

11/12 – Manhã | Boas Práticas na Esterilização de artigos Médicos – Clínicas e Consultórios Médicos

11/12 – Tarde | Curso Noções de Higiene e Boas Práticas na Manipulação de Alimentos – Unidades Escolares

12/12 – Manhã | Curso Noções de Higiene e Boas Práticas na Manipulação de Alimentos – Indústrias

16/12 –  Manhã e Tarde | Curso de Orientações técnicas para gestores e RT de empresas de distribuidora/produtos para a saúde

17/12 – Tarde | Curso Noções de Higiene e Boas Práticas na Manipulação de Alimentos – Ambulantes

18/12 – Tarde | Curso Noções de Higiene e Boas Práticas na Manipulação de Alimentos – Restaurantes e Congêneres

20/12 – Manhã | Curso Noções de Higiene e Boas Práticas na Manipulação de Alimentos

Auditórios descentralizados – A mudança da sede da Superintendência de Educação para o Humaitá não interfere nas capacitações oferecidas nos auditórios descentralizados. Veja abaixo o calendário atualizado para as aulas de dezembro, que acontecem sempre das 9h às 12h:

Tijuca e adjacências – Dias 13, 20 e 27, na Rua Conde de Bonfim, 764, prédio anexo, Tijuca.

Olaria – Dia 20, na Avenida Nossa Senhora da Penha, 42, 3º andar. Dias 13 e 27, na Rua Manoel Martins, 53, Madureira.

Barra da Tijuca e adjacências – Nos dias 13, 17 e 27, na Avenida Ayrton Senna, 2.001, Bloco C, Barra da Tijuca (auditório do Corpo de Bombeiros).

Bangu – Nos dias 13, 20 e 27, no Poupa Tempo do Shopping Bangu.

Nova sede – Nesta segunda-feira, 9, na nova sede da Superintendência de Educação, os servidores assistiram a várias palestras relacionadas à estrutura da Secretaria Municipal de Saúde. Uma delas foi ministrada pela coordenadora-geral de Gestão Institucional, Eliane Restum, que falou sobre as funções da Coordenadoria Geral de Gestão Institucional (CGGI), órgão responsável por, entre outras funções, coordenar a análise, a modelagem, a implementação e o controle das estruturas organizacionais e de seus respectivos cargos no âmbito municipal.

A subsecretária de Vigilância Sanitária do Rio, Márcia Rolim, por sua vez, esteve no local  e conversou com os participantes do evento. Márcia Rolim destacou a importância de todos os  fiscais conhecerem os sistemas da prefeitura, a fim de padronizar as ações deles, que muitas vezes chegavam à Vigilância Sanitária sem terem conhecimento prévio dos processos de fiscalização.

Larissa Lombardi, uma das servidoras participantes do evento, aprovou a ideia das palestras.

É muito importante sabermos localizar  todas as secretarias e superintendências da prefeitura, afirmou.