Praça na Tijuca e canteiro na Fonte da Saudade são adotados por período de dois anos

Publicado em 05/06/2019 - 16:16 | Atualizado
  • Início/
  • /
  • Praça na Tijuca e canteiro na Fonte da Saudade são adotados por período de dois anos
Praça Doutor Álvaro de Bragança, na Tijuca: adotada por condomínio pelo período de dois anos. Foto: divulgaçãoPraça Doutor Álvaro de Bragança, na Tijuca: adotada por condomínio pelo período de dois anos. Foto: divulgação

A adoção de espaços públicos cariocas por empresas e cidadãos tem sido incentivada pela Prefeitura do Rio, a partir do programa Adote.Rio, plataforma lançada no ano passado com essa finalidade. Toda semana novos adotantes aparecem. Desta vez, os locais beneficiados ficam nas Zonas Norte e Sul. A Praça Doutor Álvaro de Bragança, na Tijuca, foi adotada pelo condomínio do edifício Conde Afonso Pena. E o canteiro central da Rua Fonte da Saudade, entre a Lagoa e o Humaitá, na altura dos números 61 e 77, tem como adotante um morador da área, Roberto Thedim Duarte Cancella. Nos dois casos, os termos de adoção foram assinados por dois anos, para serviços de manutenção e conservação.

LEIA MAIS: Prefeitura firma parcerias no Leblon e no Centro com o Adote.Rio

ADOTE.RIO: Você também pode adotar, é simples. Saiba como fazer isso

Comunicado da Fundação Parques e Jardins (FPJ), vinculada à Secretaria Municipal de Conservação, informa sobre as duas adoções na edição de terça-feira, dia 4 de junho, do Diário Oficial do Município.

Interessados em adotar espaços públicos ou monumentos podem procurar informações no site do Adote.Rio (veja acima) ou pessoalmente na sede da FPJ no Campo de Santana (Centro). Outra opção é pelo telefone 2224-8088, de segunda a sexta-feira, das 9h às 17h.