Município convoca 60 aprovados no concurso para a Vigilância Sanitária

Publicado em 14/02/2020 - 09:58 | Atualizado em 14/02/2020 - 10:26
Alguns dos concursados também vão atuar no laboratório | Divulgação

A Prefeitura do Rio acaba de convocar os 60 primeiros aprovados para a Subsecretaria de Vigilância Sanitária e Controle de Zoonoses, no concurso público realizado em outubro. Quase metade (29) é de médicos-veterinários, fundamentais para a implantação do Serviço de Inspeção Municipal (SIM). Lançado no ano passado, o programa vai permitir maior controle e melhor fiscalização de produtos de origem animal e vegetal, aumentando a segurança para o consumidor.

 

O SIM é um dos avanços na área de inspeção trazidos pelo primeiro Código Sanitário do Município do Rio, aprovado por unanimidade na Câmara dos Vereadores em dezembro de 2018 e que institui a inspeção agropecuária com a criação do Registro de Estabelecimento de Produção Agropecuária (Repa). Além de benefícios à saúde pública, o programa auxiliará a agroindústria familiar e pequenos produtores de queijos, hambúrgueres e linguiças artesanais, entre outros empreendedores. Muitas vezes impedidos de se regularizar por falta de autorização sanitária, eles poderão com o SIM se formalizar no próprio município, o que vai alavancar o crescimento de muitos negócios na cidade.

 

– Nosso último concurso foi em 2000, e esses profissionais serão, em sua maioria, para a reposição de nossos quadros, principalmente, por conta de servidores que se aposentaram. Este processo representa uma grande conquista não só para a Vigilância, mas para a população em geral, pois vamos avançar bastante nas ações de prevenção de riscos à saúde pública”, comemora a subsecretária de Vigilância Sanitária do Rio, a médica-veterinária Márcia Rolim, que ingressou na Prefeitura justamente no último concurso.

 

Além dos 29 médicos-veterinários, serão contratados 12 técnicos de laboratório de análises clínicas, sete auxiliares de laboratório, cinco auxiliares de serviços de veterinária, três técnicos de radiologia, dois oficiais de farmácia e dois agentes de documentação médica. A lista completa dos convocados está no Diário Oficial do Município desta quinta-feira, 13.