Procon Carioca pesquisa preços de produtos típicos do Natal, e variação chega a 76,56%

Publicado em 16/12/2022 - 20:45 | Atualizado em 17/12/2022 - 00:25
Agentes do Procon Carioca fiscalizam supermercado - Divulgação

A equipe de fiscalização do Procon Carioca, órgão vinculado à Secretaria Municipal de Cidadania, pesquisou preços de 33 produtos em cinco supermercados para comparar o valor de itens muito usados nas ceias dos consumidores, como azeite, bacalhau e Tender. Foi constatada grande variação, que chega a 76,56% no caso do azeite de oliva, de um mercado para outro.

Os agentes do Instituto Municipal de Proteção e Defesa do Consumidor pesquisaram cinco das principais redes de supermercados do município: Carrefour, Extra, Guanabara, Pão de Açúcar e Prezunic, no dia 14 de novembro.

Os itens com maior variação de preço foram:

Produto: Azeite de Oliva Extra Virgem – Andorinha – 500ml
Maior preço: R$ 29,98
Menor preço: R$ 16,98
Diferença de valor: R$ 13,00
Percentual da oscilação: 76,56%

Produto: Pêssego em calda – Schramm – 450g
Maior preço: R$ 10,49
Menor preço: R$ 5,99
Diferença de valor: R$ 4,50
Percentual da oscilação: 75,13%

Produto: Bacalhau do Porto Kg
Maior preço: R$ 129,99
Menor preço: R$ 84,98
Diferença de valor: R$ 45,01
Percentual da oscilação: 52,97%

O Procon Carioca recomenda que o consumidor planeje antecipadamente o cardápio e as compras, avaliando sempre os produtos que serão utilizados e o estabelecimento em que serão adquiridos, a fim de evitar desperdícios e buscar sempre o melhor preço praticado.

 

– Importante também lembrar que o prazo de troca para os produtos não duráveis
(alimentos) é de 30 dias – informa o gerente de fiscalização do órgão, Leonardo Gomes.

 

CONFIRA A PESQUISA DE NATAL

  • 16 de dezembro de 2022
  • Skip to content